Criadas pelo mesmo artista que fez as maquetes de 2001: Uma Odisseia no Espaço de Stanley Kubrick, as 2.100 medalhas para as Olimpíadas de Londres-2012 são as mais pesadas a serem condecoradas em uma olimpíada de verão.

Elas pesam 400g e, com 85mm de diâmetro, as medalhas são também maiores que em Olimpíadas anteriores. E elas são tão grossas – 7mm – que a equipe britânica precisou ajustar os bolsos das roupas formais para conseguirem colocar as medalhas. Só a Olimpíada de Inverno em Vancouver-2010 teve medalhas maiores e mais pesadas: o tamanho era levemente maior, mas elas pesavam o dobro das medalhas a serem condecoradas em 2012. Em se tratando apenas de Olimpíadas de verão, a recordista anterior foi a Barcelona-1992, onde as medalhas pesavam 231g.

Criadas pelo artista britânico David Watkins, a frente das medalhas têm o logotipo controverso de Londres-2012, que já chamaram de “Lisa Simpson fazendo sexo oral“. Ao fundo do logotipo, estão o rio Tâmisa (que atravessa Londres) e linhas geométricas, que aparentemente representam a energia da cidade. No verso, a deusa grega Nice (Nike em grego) aparece no Estádio Panathinaiko, onde foi realizada a primeira Olimpíada moderna em 1896, representando o espírito dos jogos.

Parece que as medalhas de ouro poderiam ser derretidas e transformadas em uma bela joia (ou vendidas!), mas na verdade elas contêm apenas 1,34% de ouro. 92,5% da medalha são prata, e o restante é cobre. [London 2012 via The TelegraphReuters]