A Canon diz que este aumento de 2,4 vezes em relação à resolução máxima anterior foi possível graças a novas técnicas de timing de circuito, que permitem ao sensor gravar até 9,5 dessas imagens gigantescas por segundo. Alguém ligue pra SanDisk – a gente vai precisar de um cartão de memória maior.

Leia o release completo aqui: [Canon via SlashGear]