Yves Guillemot, CEO da Ubisoft previu hoje não só a chegada de uma geração de consoles e uma revolução de jogos em set-top boxes, mas uma jogada grande no mercado de games pela Apple além do iPhone. 

O manda-chuva da gigante Ubisoft acha que o mercado de consoles caseiros mudará a forma que conhecemos a jogatina. “Há também um novo estreante nesse negócio”  disse ele, após citar o eminente potencial dos set-top-boxes. “[Esse estreante é] A Apple, com o Iphone.  E não achamos que eles pararão por aí.

Guillemot fez comentários sobra a Apple durante uma coletiva da Ubisoft para informar os resultados financeiros da companhia para este ano fiscal que acabou em Março. O cabeça da companhia atrás de sucessos como Assasin’s Creed e Splinter Cell repetitivamente se referiu ao assunto dos consoles de nova geração ao abordar como vai aumentar o faturamento. Ele falou de novo, quando perguntado por um analista financeiro: “ Nós veremos mais consumidores vindo para a industria do videogame .. eles também começarão a vir debaixo das caixas que vocês veem debaixo da TV porque aquelas caixas de TV serão mais potentes.. Nós veremos mais consoles que nos permitirão colocar mais produtos. Sobre a próxima geração de consoles nós não podemos dar uma data mas pelo que nós vemos tem muito mais energia para melhorar os consoles [que já sairam.] Nós já estamos trabalhando em alguns dessses elementos que vão aparecer na próxima geração.” 

A alusão a eminente importância de jogar via top-set boxes pediu uma outra pergunta em seguida do analista, e essa trouxe mais especificidade sobre porque aparelhos como receptores de TV a cabo talvez começaram a ser discutidos a mesma altura do Xbox e Wii: “ Você viu novas interfaces com o Wiimote e também com o stylus do DS?” Guillemot disse. “O que nós vemos para o futuro é que eles farão grandes anuncios sobre interfaces”. E acontecerá não só para consoles mas também para aquelas TV boxes também".

E logo após isso, Guillemot fez sua observação sobre a Apple. Um dos irmãos mais velhos de Guillemot, Michel, é dono da Gameloft, uma das desenvolvedoras mais agressivas para o Iphone e o mercado de celulares no geral.

Resumindo: a Apple TV, integrada a um iPhone com funções de Wiimote poderá liderar uma nova geração de consoles que não são exatamente videogames. Que baixam filmes e jogos, gravam programas de TV e são capazes de uma jogatina casual ou outra. É possível? O sucesso do Wii mostra que capacidade gráfica não é o essencial para a maior parte do público. Aguardemos os anúncios da E3.