Placas-mãe quebradas, transistores e outras quinquilharias ganham vida nova nas mãos do artista Franco Recchia. Vida urbana, na verdade, já que ele é o artista que trabalha no nível de miniatura para recriar Manhattan usando nada além de restos de computador que se tornaram úteis de novo.

O artista também fez miniatura da cidade de Boston, feita do que parece ser papelão e pequenos ladrilhos de vidro, e uma Pittsburgh cinza em escala diminuta. [Franco Recchia via Boing Boing]