Cientistas descobriram uma nova espécie que é invertida – a fêmea tem pênis e o macho uma abertura como se fosse uma vagina. De acordo com Kazunori Yoshizawa – da Universidade Hokkaido, no Japão – esses insetos de caverna são os únicos seres documentados no planeta com essa configuração surpreendente.

Apesar da reversão do papel sexual já ter sido identificado em outros animais, o Neotrogla é o único exemplo em que o órgão intromitente também é invertido.

O estudo – publicado na edição de 17 de abril da Current Biology – descreve quatro espécies relacionadas ao gênero Neotrogla com cerca de 4 milímetros de comprimento, descobertas em 2010 em uma caverna brasileira por Rodrigo Ferreira, da Universidade Federal de Lavras.

De acordo com suas observações, a fêmea introduz seu pênis – chamado gynosome – profundamente na abertura do macho durante a copulação que dura de 40 a 70 horas. A fêmea, como mostra a imagem abaixo, sempre está por cima. Em troca por deixar a fêmea o engravidar, o macho oferece “presentes seminais nutritivos”.

bmnaqjcuzm0zvwthso1e tz0l3ovyacdcs2bqnn0m

Os insetos durante a cópula, vistos mais de perto.