Parecia uma ótima ideia: nós construiríamos estradas com múltiplas pistas cortando o centro da nossa cidade, demolindo nossa arquitetura histórica e deslocando dezenas de milhares de moradores de uma vez – tudo em nome do progresso! Cinquenta anos depois, essas obras geniais prejudicaram nossos bairros, arruinaram o ar da cidade e também não ajudaram muito no trânsito. Então pra que ter uma auto-estrada exposta como uma ferida urbana quando você pode colocar um parque por cima dela?

Transformar auto-estradas em parques é a nova aposta de cidades para diminuir o barulho, poluição e a praga que acompanha essas enormes construções. Enfrentando o crescimento rápido da população com mais gente se mudando para áreas urbanas, as cidades estão olhando para a ideia como uma forma de recuperar rapidamente um espaço público valioso.

2646225015_0f118fb0ca_z
O Minhocão em São Paulo via Fernando Stankuns/Flickr

Não precisamos sair do Brasil para encontrar um exemplo desses: em São Paulo, o Elevado Presidente Costa e Silva, o popular Minhocão, é discutido há décadas. Ele foi criticado quando foi construído, na década de 1970, e continuou sendo criticado desde então. O prefeito Gilberto Kassab (2006-2012) chegou a elaborar um projeto para demolir o Minhocão em 2010, mas ele ainda não foi colocado em prática. E a sua demolição não é vista como a solução para muita gente: a Associação Parque Minhocão, por exemplo, quer que a estrutura permaneça de pé e seja construído um parque suspenso em cima dela.

ku-xlarge

Enquanto São Paulo não encontra uma solução para o Minhocão, outras cidades do mundo – especialmente nos Estados Unidos – já começam a pensar em transformar suas auto-estradas em parques suspensos. Não é uma ideia nova – parques assim surgiram praticamente ao mesmo tempo que as auto-estradas. Tecnicamente o Brooklin Heights Promenade, uma plataforma construída por cima da via expressa Brooklyn-Queens, em Nova York, é um parque, e existe desde os anos 50. O Freeway Park em Seattle foi construído em 1976 é um país das maravilhas onde o som das cachoeiras (quase) abafa as cinco pistas de carros que passam por baixo dele. Em Phoenix, uma auto-estrada foi transformada em um túnel e, por cima dela, o parque Margaret T. Hance foi feito.

ku-xlarge (1)

As vias expressas elevadas de Boston, a Central Artery, foram substituídas por vias expressas subterrâneas com uma via verde no nível da rua

Mas tampar as vias expressas se tornou muito mais comum nos últimos 20 anos. Tampar as pistas pode ser mais rápido e barato do que qualquer outro plano de redesenvolvimento (Dallas construiu o parque em dois anos). E como essas estradas estão em áreas densamente populosas, muitos parques são apenas cobrem pistas que antes eram ocupadas por carros; eles oferecem amenidades como feiras livres, programação cultural, conexões de trânsito, ciclovias e outras coisas que bairros precisam ter. Para não mencionar o impacto de bem-estar social de reunir comunidades que foram separadas anos atrás. Abaixo, alguns dos parques mais recentes dos Estados Unidos e alguns projetos futuros.


Boston (2008)

ku-xlarge (2)

O projeto Big Dig fez várias vias expressas se tornarem subterrâneas e resultou no Rose F. Kennedy Greenway, que abriu em diferentes fases começando em 2008. O espaço inteiro de 2,4km inclui cinco parques e até um carrossel.


Dallas (2012)

ku-xlarge (3)

Um parque foi aberto no ano passado por cima da Woodall Rodgers Freeway. Chamado Klyde Warren Park, ele fica no centro da cidade e oferece fontes, áreas para cachorros, para jogos e um orçamento anual de US$ 3 milhões para programações.


St. Louis (2015)

ku-xlarge (4)
No mês passado foi anunciado que um parque será construído por cima da estrada interestadual 70 como parte de um projeto de US$ 380 milhões para a renovação do Gateway Arch. Não é um grande parque (na verdade, é apenas um bloco), mas vai conectar o arco ao resto da cidade.


Los Angeles (proposta)

ku-xlarge (5)

A cidade que você pode pensar que inventou as vias expressas tem duas propostas apenas para a 101 Freeway. No centro, o Park 101 (o da imagem) conectaria o centro histórico da cidade a outras partes de Los Angeles. Mais para frente, o Hollywood Central Park é uma proposta para levar o verde a um dos bairros mais residenciais de Hollywood.


Chicago (proposta)

ku-xlarge (6)

A cidade de Chicago há muito tempo busca tampar uma via expressa, mas uma nova proposta chamada New West Loop vai cobrir parte da Kennedy Expressway para criar não apenas um parque, mas um conjunto de prédios de escritórios.

[Imagem de topo: Park 101; Seattle: Seattle Municipal ArchivesBoston, Mass DOT/gconservancy/Rose F. Kennedy Greenway; Dallas, Klyde Warren Park; St. Louis,DOT.gov; Los Angeles, Park 101; Chicago, Yo Chicago/SMPD]