A TIM lançou há algum tempo a promoção Liberty + 100, prorrogada várias vezes, que oferecia um dos mais vantajosos planos de voz pós-pagos, a apenas R$49 ao mês. Ela ganhou vários novos assinantes com isso. Mas agora, recebemos cada vez mais e-mails de leitores reclamando de problemas na rede da TIM, e a hashtag #TIMfail no Twitter mostra que clientes da TIM em várias cidades também estão com dificuldades em realizar ligações. O que aconteceu?

A promoção já acabou – o pacote Liberty + 100 agora custa R$89 – mas era tão boa que, como aponta o site Área de Cobertura, era mais barato adquirir o plano Liberty + 100 e estourar a cota falando 200 minutos locais do que comprar o plano Liberty + 200, que oferece 200 min por mês.



E a promoção parece ter surtido efeito: segundo a própria TIM, a base de assinantes pós-pagos aumentou em 341.000 clientes no segundo trimestre. No mesmo período do ano passado, o crescimento foi de apenas 42.000 – ou seja, o efeito da promoção parece ter sido bem forte. Mas será que a TIM estava preparada para todo esse aumento?

O leitor Saulo Benigno, de Recife, conta pra gente que não consegue receber ligações e SMS quando o 3G está ativado (a internet funciona, no entanto). Ficando apenas na rede 2G, tudo funciona normal. E o problema não parece estar no aparelho: nada disso acontece na TIM em outras cidades ou em outras operadoras. Mas o atendimento da TIM diz desconhecer este problema. Entramos em contato com a assessoria de imprensa, e a resposta é basicamente a mesma: “A TIM esclarece que sua rede opera normalmente na localidade citada.” O Saulo tem este problema desde 16 de julho.

Esta semana, usuários de Brasília também sofreram com a falta de serviço de ligação na TIM: usuários do Twitter dizem que, ao ligar para alguém, ouviam a mensagem “Rede ocupada”. Ou seja, não dava pra ligar nem pro atendimento *144 do celular para saber o que estava acontecendo. Em seu canal de atendimento no Twitter, a TIM não mencionou problemas na rede.

A TIM lançou recentemente um site para verificar problemas de cobertura na rede, onde os clientes podem informar quais problemas elas estão tendo, e onde. Em Brasília, apenas duas pessoas reportaram ausência de sinal. Em Recife, só uma pessoa relatou problemas. Como a ferramenta é nova, é de se esperar que poucos a conheçam, mas se você tiver problemas na rede da TIM, acesse este site e informe isso à operadora.

A TIM diz, via assessoria, que “preza pela qualidade dos serviços e entende que, para que seus clientes tenham a melhor experiência de uso, é necessário investir em infraestrutura. Só no triênio 2009-2011, a TIM investirá R$ 3,8 bilhões para melhoria e ampliação de sua rede". Parece que esses investimentos precisam chegar mais rápido.

Você teve problemas com a rede da TIM recentemente? Conte pra gente nos comentários.

Imagem via PlugGSM