Segunda a Microsoft anunciou o Surface, seus tablets/híbridos com Windows RT e Windows 8 Pro. Microsoft? Hardware? É, pegou todo mundo de surpresa — apesar dos rumores darem conta disso. Quem não deve ter ficado muito feliz foram as parceiras OEM, mas para acalmar os corações dos seus CEOs, a Microsoft mandou uma cartinha para eles.



O ZTOP descolou uma cópia do memorando enviado às fabricantes parceiras da Microsoft. Ele traz informações interessantes, como a de que o Surface é um projeto feito totalmente “em casa”, em sigilo absoluto — nem mesmo as subsidiárias da empresa tinham conhecimento — e sem a ajuda de parceiras habituais.

No texto, que é assinado por Steven “Guggs” Guggenheimer, vice-presidente corporativo de OEM na Microsoft, ele joga panos quentes sobre uma eventual competição entre a Microsoft e suas parceiras (Samsung, HP, Acer, Dell etc.), dizendo que o Surface aparece para preencher uma lacuna no “vasto ecossistema Windows”. Por fim, reforça o compromisso da Microsoft com essas empresas.

É difícil diferenciar o Surface dos vários híbridos apresentados na Computex e pelo que vimos na segunda, a Microsoft está peitando tablets e ultrabooks de uma vez só. Mas estamos entre amigos, não há competição, mó clima de “deixa disso”. Certo? [ZTOP]