Cafeína parece bastante simples, mesmo quando você é um usuário veterano. Você bebe, fica ligado por um curto período, e inevitavelmente cai um pouco de rendimento quando o efeito passa – ou assim você pode imaginar. Mas a cafeína é uma substância mais sutil do que nós percebemos. Aprender como ela funciona no seu corpo e cérebro e como ela pode ser eficaz, pode te dar mais concentração enquanto evita a parte do nervosismo pela falta dela.

A melhor maneira para obter o máximo de potencial da cafeína é começar do básico. Existem muitos fatores que influenciam em como uma dose de cafeína afeta você, mas não há fator maior do que a tolerância que você desenvolveu, consumindo cafeína todas as manhãs. Dê uma pausa de uma semana a 10 dias para se recuperar, pode ir diminuindo aos poucos se for necessário, então comece novamente com o café como algo ocasional para animar.

Nota: Fatores biológicos e genéticos também afetam a maneira como você reage à cafeína, e o que explicamos acima pode não valer para todos. Isso é apenas um guia para iniciantes para aqueles que querem parar de sentir como se uma xícara não fosse o suficiente.

Sim, provavelmente você tem uma tolerância à cafeína. Aprenda a ajustar isso

Pacientes acordando de cirurgias nas quais eles foram anestesiados muitas vezes acordam com uma dor de cabeça terrível. Médicos costumavam culpar a anestesia, até que pesquisadores mostraram como uma xícara de café depois da cirurgia poderia ser eficaz. A maioria das pessoas está acostumada a tomar uma xícara de café ou chá regularmente, refrigerantes e pedaços de chocolate ocasionalmente, mas quando os médicos pedem para não beber ou comer nada por um longo período antes da cirurgia, e então fazem você dormir com a medicação, seu corpo acorda sem nenhuma cafeína, e isso é um tanto desconfortável.

Sabendo disso, e tendo dias ou semanas onde você sabe que você irá precisar contar com uma dose extra de energia, tente manter-se livre de cafeína e livre-se da dependência. Leva entre uma semana a 12 dias para aumentar sua tolerância e se tornar dependente de cafeína (mesmo tomando apenas uma xícara por dia), e em média 10 dias para se livrar dela. Uma vez que você conseguir passar pelas manhãs difíceis e as dores de cabeça, você será capaz de organizar as coisas estrategicamente para quando você tiver um dia importante pela frente e precisar melhorar a atenção e o desempenho da memória. Mas tenha em mente…

Cafeína ativa a sua energia em potencial, ela não cria energia

Stephen R. Braun, autor do excelente e explicativo Buzz: The Science and Lore of Alcohol and Caffeine, contou em uma entrevista ao Lifehacker que os efeitos da cafeína eram melhor descritos como “tirar os adultos que estão supervisionando um bailinho do colégio”. A cafeína faz a sua mágica não por estimular diretamente as suas células, mas por ser extremamente similar a adenosina, um subproduto da célula que o seu corpo monitora como um tipo de medidor de exaustão. As moléculas da cafeína se ligam aos seus receptores de adenosina, então seu corpo para de receber sinais de que está cansado.

Mas se você estiver dormindo apenas algumas poucas horas e sobrevivendo a base de pizza e barra de cereal por horas, a cafeína ira melhorar seu desempenho apenas momentaneamente, não irá revigorar você. Então, é melhor fazer um plano de implantação para aperfeiçoar o consumo da cafeína. Ela não irá fazer mal se você estiver praticamente sem dormir, mas não será tão eficaz.

Combine cochilos e cafeína para se revigorar com eficácia no meio do dia

Tem 15 minutos e um copo de café ou chá à mão? Você ficará feliz se tiver acesso a isso, e você estará evitando desenvolver aquela tolerância diária. Porque você terá acesso à “soneca da cafeína” descoberto por alguns pesquisadores do Reino Unido. Beba um pouco de café rapidamente (assumindo que você não está mandando o café goela abaixo o dia todo), e então tire uma soneca de 15 minutos. Isso dá ao seu corpo descanso apenas suficiente para se sentir levemente revigorado, e dá a cafeína tempo suficiente para começar a fazer efeito assim que você acordar.

Beba um café bom e realmente descafeinado quando a ocasião não for crítica

Agora que você está bem e livre de cafeína, o que fazer quando todos na mesa pedem uma xícara depois da refeição? O que fazer quando você simplesmente quer uma boa xícara de café, independente do impacto no cérebro? Vá de descafeinado, mas um que tenha passado por um processo chamado “Swiss Water” que deixa o café 99.9% livre de cafeína.

Pode parecer um pouco de exagero, mas leia sobre o processo certo para fazer café descafeinado e perceba que outros compostos de café, como GABA, também estão impactando seus níveis de alerta e energia, e você verá a importância de manter a cafeína não-planejada longe do seu sistema que está funcionando tão bem. Passe o tempo que você gastaria comprando café procurando por boas variações descafeinadas. O logo da Swiss Water é um bom ponto para começar, mas ele não é o único fator que afeta um bom descafeinado.

Fast Company dá força a inovadores para desafiar as convenções e criar o futuro dos negócios.