Nesta quinta-feira (11), um drone que pode ser usado como táxi aéreo foi apresentado na Coreia do Sul. A ideia é que, no futuro, ele sirva para ligar os principais aeroportos ao centro de Seul, capital do país.

Segundo estimativas, o protótipo pode reduzir o tempo de viagem de distâncias entre 30-50 km em até dois terços. Portanto, um percurso que, de carro, duraria uma hora, poderia ser cumprido em apenas 20 minutos.

Na demostração, um piloto voou em um modelo de dois lugares feito pela Volocopter, fabricante da Alemanha. Os testes aconteceram no Aeroporto Gimpo, em Seul. Veja mais no vídeo abaixo.

Alimentado por rotores semelhantes a de helicópteros para decolagens e pousos verticais, a aeronave mostrou que pode ser pilotada ou operada de modo autônomo. Porém, por questões de segurança, a princípio sempre haverá um piloto abordo — também para ganhar a confiança dos usuários.

Assine a newsletter do Gizmodo

A previsão é de que o sistema seja implementado em 2025. “Espera-se que veículos do tipo se torne, um dos meios de transporte comuns do dia a dia. Para isso, é importante que testemos e experimentemos os seus serviços em vários ambientes”, disse o Ministro dos Transportes coreano Noh Hyeong-ouk, em um comunicado.

No futuro, uma viagem do Aeroporto Internacional de Incheon ao centro de Seul deve custar cerca de 110.000 wons, equivalente a R$ 500. A ideia é que o valor caia ao longo dos anos, conforme o serviço ganhe popularidade.