O Dropbox quer ser muito mais do que uma simples pasta com seus arquivos que pode ser acessada de qualquer um dos seus dispositivos. Em sua primeira conferência para desenvolvedores, realizada ontem, a empresa anunciou seus ambiciosos planos para sincronizar dados também dos seus apps. O Dropbox quer ser uma plataforma.

Esta plataforma recebeu o nome Dropbox Platform. Ela usa APIs e plugins – chamados pelo Dropbox de “Drop-ins” – para adicionar recursos a apps de terceiros aproveitando a infraestrutura oferecida pelo Dropbox. A partir de uma API chamada Datastores, o Dropbox vai poder armazenar todos os dados dos seus apps para você acessar facilmente em qualquer dispositivo que estiver usando no momento. Você pode começar a jogar Angry Birds no iPad e, quando pegar seu Galaxy S4, estará na mesma fase que deixou no iPad, por exemplo.

Os Drop-Ins adicionam funções aos apps – dois deles foram mostrados ontem. Chamados Saver e Chooser, eles permitem que os desenvolvedores coloquem opções para usuários acessarem dados do Dropbox em seus apps. O Yahoo já usa um desses plugins desde abril em seu webmail. Com ele, seus usuários podem salvar arquivos anexados com facilidade na conta do Dropbox. E, usando os dois, você poderá anexar arquivos da sua pasta do Dropbox em e-mails enviados pelo smartphone, assim como salvá-los do celular para acessar no desktop ou tablet. Como o CEO da empresa disse, Drew Houston, disse à Wired, o Dropbox está lançando o “sucessor espiritual do disco rígido.”

Os dois Drop-Ins já estão disponíveis para desenvolvedores, mas ainda são um pouco limitados. O Chooser pode ser usado em iOS, Android, web e web móvel, enquanto o Saver aparece por enquanto apenas na web e web móvel, mas o Dropbox promete para breve a disponibilidade em outras plataformas. E, também para o futuro, o Dropbox promete mais plugins, mas nenhuma informação de como devem ser os próximos recursos foi divulgada.

Para o sucesso da sua plataforma, o Dropbox precisa da adoção dos serviços por desenvolvedores – e foi para isso que a empresa realizou a sua conferência DBX, e esperava a presença de cerca de 500 desenvolvedores para conhecer o Dropbox Platform.  Se der certo, será fantástico: você não precisará ficar preso a uma plataforma específica. Poderá usar um iPad, um smartphone com Android e um PC com Windows e ter os mesmos dados em todos eles, sincronizados pelo Dropbox. [The Next Web, Wired 1, 2]