Um rumor que circula desde quarta-feira diz que Facebook e Serasa vão anunciar uma parceria na qual “a rede social vai ter acesso ao vasto banco de dados da empresa de cadastro financeiro”. Dessa forma, o Facebook poderia exibir para você anúncios segmentados por renda. Isso é mesmo verdade? Não de acordo com a Serasa.

Eis o que Hilário Júnior, especialista em redes sociais e marketing digital, diz no LinkedIn:

Essa é pra deixar muito defensor da privacidade dos dados de cabelo em pé: Facebook e Serasa estão em fins de fechar uma parceria onde, até o final do ano, a rede social vai ter acesso ao vasto banco de dados da empresa de cadastro financeiro, a partir daí nós (profissionais de social media) vamos conseguir segmentar por faixa salarial os anúncios através da plataforma de anúncios da rede de Menlo Park.

Isso parece terrivelmente invasivo: o Facebook vai cruzar seus dados do Serasa para descobrir sua renda? A Serasa diz que não é o caso, e que houve uma confusão aí.

Antes de tudo: a Serasa não confirma uma parceria com o Facebook no país. Em comunicado ao Gizmodo Brasil, eles mencionam apenas que “não temos nada específico para anunciar no Brasil no momento”. O Facebook diz o mesmo.

Áreas separadas

Desde 2007, a Serasa é controlada pelo grupo britânico Experian, que trabalha com análise de crédito e consumo. E nos últimos anos, a empresa se expandiu para outras áreas.

Uma dessas áreas é a Serasa Experian Marketing Services: ela oferece estudos de mercado, traça perfis de clientes e atua em marketing digital. Ela já ofereceu serviços para uma série de empresas em diferentes segmentos, como a Ambev, Livraria Saraiva e a Rede Record.

Por telefone, a empresa diz ao Gizmodo Brasil que a Marketing Services “não tem relação com o bureau de crédito, nem com as pessoas que estão negativadas” – a parte da Serasa mais conhecida pelo público.

Não é possível nem mesmo traçar um perfil mais genérico a partir desses dados? A empresa nos diz que “não é permitido por lei trocar informações entre as áreas de crédito e de marketing” – elas precisam operar de forma independente.

“As informações utilizadas pela Serasa Experian Marketing Services não têm relação com o bureau de crédito da Serasa Experian”, diz a empresa em comunicado.

Dados e renda

No entanto, a Marketing Services possui uma base de dados própria, separada da área de crédito, com informações que incluem nome, endereço, telefone, data de nascimento, sexo, profissão, escolaridade, entre outros. É possível obtê-los se você tiver uma lista com o CPF (ou CNPJ) dos clientes. Isso faz parte do produto InfoMais:

Serasa Experian - InfoMais

Entre essas informações, está também a renda estimada. A Marketing Services talvez não saiba quanto uma pessoa ganha por mês, mas pode estimar isso através de alguns fatores: “a estimativa é realizada com base na identificação do sexo, idade, profissão, Unidade Federativa e tipo de ocupação profissional”.

Também é possível adquirir uma lista de clientes em potencial através do Lista Online. Você pode filtrar por sexo, idade, localização e – sim – renda estimada. A Marketing Services então oferece um conjunto de dados que inclui nome, CPF, endereço, data de nascimento e até 3 telefones.

Esse tipo de serviço é bem difundido: segundo a própria Marketing Services, “88% das companhias compram dados de terceiros”. No material de divulgação, ela oferece a “garantia de origem legal dos dados”. Mas como é feita essa coleta? Ao Gizmodo Brasil, a empresa explica:

A obtenção dos dados utilizados pela Serasa Experian Marketing Services acontece de várias formas, incluindo a captação direta em nossos pontos de contato, parcerias e aquisição de dados de empresas especializadas, respeitando as normas definidas nas Políticas da Serasa Experian e a legislação em vigor.

Para todos os dados adquiridos é solicitada a comprovação da fonte e origem, além de levar em conta cláusulas padrão anticorrupção e o código de conduta de fornecedores da empresa.

Facebook

Então é possível que o Facebook esteja interessado em complementar o perfil dos usuários com dados de marketing: eles podem não vir da área de crédito, mas vêm de outro lugar.

Ou talvez a parceria seja diferente: a Marketing Services lembra que Facebook e Experian trabalham juntas nos EUA na área de marketing, e isso não tem a ver com um banco de dados para cadastro financeiro.

A Experian atua com outras empresas nos EUA para “ampliar e otimizar campanhas de anúncios no Facebook”: é um intermediário entre o anunciante e a rede social.

Como dissemos, a parceria entre Facebook e Marketing Services no Brasil não foi confirmada. Mas a polêmica sobre o assunto é compreensível, e tem precedente: em 2013, a Serasa fechou um acordo com a Justiça Eleitoral que repassaria dados de 141 milhões de brasileiros; o TSE voltou atrás na decisão.

Este é o comunicado que a Serasa Experian nos enviou por e-mail:

A Experian Marketing Services é um parceiro da área de marketing do Facebook e, hoje, ajuda o mercado nos Estados Unidos a engajar com a audiência certa na rede social. No momento não há nada específico para anunciar no Brasil. A Serasa Experian já oferece serviços de marketing no país.

A Unidade de Marketing Services é uma das unidades de negócios da Serasa Experian e oferece soluções completas para entendimento, prospecção, rentabilização e fidelização de clientes. Entre elas, as melhores práticas e ferramentas tecnológicas do mercado para marketing direto, marketing analítico e marketing digital.

Alguns exemplos de produtos oferecidos são soluções de email marketing, estudos de mercado, identificação do perfil de clientes, entre outras. As informações utilizadas pela Serasa Experian Marketing Services não têm relação com o bureau de crédito da Serasa Experian.

O comunicado do Facebook segue abaixo:

Nosso objetivo é fazer com que os anúncios sejam cada vez mais relevantes e úteis paras as pessoas no Facebook. Trabalhamos com parceiros para trazer informações de forma segura à plataforma. Tomamos inúmeras precauções para garantir que os dados se mantenham seguros. Essas informações apenas permitem que eles encontrem as pessoas certas no Facebook.

O grupo Experian Marketing Services é um parceiro da área de marketing da empresa que, hoje, ajuda o mercado nos Estados Unidos a engajar com a audiência certa no Facebook. No momento não há nada específico para anunciar no Brasil, mas estamos sempre discutindo formas de ajudar pessoas e empresas a se conectarem de forma mais efetiva.

Foto por Bhupinder Nayyar/Flickr