Não é de hoje que os cientistas procuram estabelecer contato aliens. Constantemente, astrônomos da Terra buscam por sinais no espaço que poderiam ter sido enviados por seres extraterrestres. Agora, as possibilidades aumentaram.

Um estudo publicado na revista Physical Review D sugere que alienígenas seriam capazes de enviar mensagens quânticas ao nosso planeta. Esse tipo de comunicação utiliza partículas de luz, conhecidas como fótons, para enviar informações. Ela é considerada mais segura e já possui aplicações na Terra, como com o satélite chinês Micius.

A comunicação quântica não é novidade, então por que estamos falando sobre ela? Apesar de já estar sendo testada em nosso planeta, a tecnologia tem suas limitações. Algumas partículas perdem quantidade à medida que interagem com o ambiente, o que pode prejudicar a mensagem. 

Por outro lado, a densidade média da matéria no espaço é menor do que na Terra, o que significa que as partículas podem viajar por distâncias maiores no universo sem serem danificadas.

Pensando nesse conceito, pesquisadores da Universidade de Edimburgo, no Reino Unido, calcularam o quão longe as partículas de luz podem viajar pelo espaço em segurança. Então, concluíram que os fótons de raios-X são capazes de percorrer centenas de milhares de anos-luz, atravessando a Via Láctea.

Logo, é possível que detentores de vida inteligente fora da Terra estejam enviando esse tipo de sinal para nós, assim como também podemos tentar contato com aliens através da comunicação quântica. Basta esperar para ver as informações que poderão chegar através do cosmos.