Com a chegada oficial do filme “A Rede Social” no Brasil, pudemos dar uma olhada no caminho que os filmes geeks seguirão daqui para a frente: redes sociais, nerds extremamente gananciosos e péssimos para lidar com mulheres. E com tanto sites fazendo sucesso por aí, o pessoal da Alfa bolou as possíveis produções cinematográficas de outras redes sociais e afins – o Orkut estrearia direto no Tela de Sucessos, no SBT, o MySpace seria obra cult e o YouTube contaria com trilha sonora de Lady Gaga. Confira a lista e corra para as montanhas.

As sinopses, por assim dizer, foram criadas por Leonardo Lanna, dono do blog Microcontoscos, da revista. Eis nossos principais concorrentes ao Oscar da lista:

Orkut: seria uma produção pra TV e a estreia seria na Tela de Sucessos do SBT. Os prováveis títulos seriam: “Não aceita!” ou “Só add com recado”. O filme seria uma co-produção Brasil/India rodado em Bollywood. Direção: Gupta Nahasapeemapeti­lon e Kátia Lund.

MySpace: ficaria esquecido na estante de alguma locadora cult. Diretor: David Lynch.

Xvideos: o filme cairia na net por causa de uma produtora que confiou no namorado. Direção: Rocco Sifredi.

Twitter: Um coleção de curtas mostrando várias histórias diferentes, todas do ponto de vista de um pássaro. Direção: Alejandro González Iñárritu. Ou então, seria uma comédia pastelão dos irmãos Wayans cheia de trocadilhos previsíveis e elenco de terceira.

Google: seria uma megaprodução em conjunto da Pixar, Disney e Dreamworks. O filme falaria da eterna busca do homem por respostas e teria Morgan Freeman no papel de Google. Sua exibição seria proibida na China. Direção: Steven Spielberg/James Cameron.

YouTube: o filme levaria horas para carregar antes de ser exibido. Trilha sonora de Lady Gaga e Justin Bieber. Direção: Felipe Neto.

Google Buzz: antes do lançamento seria o filme mais comentado na mídia especializada. O orçamento de marketing seria superior ao da produção. Mas ninguém iria assistir. Nem na estreia. A trilha sonora ficaria a cargo da carreira internacional de Sandy & Junior. Direção: Ron Underwood (de Pluto Nash).

Confira a lista completa clicando aqui.

Trazendo para nosso mundo geek, com seriam esses filmes? O longa do Android seria dirigido pelos criadores de Lost e mostraria a invasão de um robô verde em vários países, filmado apenas com um Samsung Galaxy S? Renato Aragão e Sérgio Mallandro seriam os protagonistas do filme do Zeebo? E o filme do iPhone ou do iPad não teria uma mísera garota de sutiã? Jobs cederia? Mentes brilhantes do Gizmodo, coloquem seus cérebros em ação nos comentários. [Alfa]