Se você visita muito a Wikipédia, já deve ter dado de cara com a rosto perplexo e desafiador de Jimmy Wales, fazendo um pedido urgente. Ele quer apenas uma pequena quantia de dinheiro de cada usuário para manter a maior enciclopédia online do mundo de pé e crescendo cada dia mais. Doações de 20, 30 euros. Mas, convenhamos, isso é muito pouco para manter um site tão grande. É melhor pensar grande. Se temos um empresário tão bem sucedido como Eike Batista, por que não pedir uma contribuição mais parruda? É isso que pede o Eikepedia, uma campanha que virou site e pede ajuda do bilionário brasileiro.

O site foi criado por Saulo Brito, Marcelo Tolentino, Rafael Santos e Anderson Nunes e tem uma proposta muito simples: chamar a atenção de Eike Batista, que cada vez mais vive no Twitter, e explicar como a Wikipédia precisa de sua ajuda. Se Eike tem 27 bilhões de dólares como patrimônio e já doou 7 milhões de dólares a um projeto social criado por Madonna, por que não ajudar na manutenção de um dos sites mais utilizado por garotos do ensino médio e fundamental que precisam entregar um trabalho sobre exercício anaeróbio na próxima aula?

Todo ano a Wikipédia pede doações para não precisar entregar seu espaço branco aos banners publicitários. É uma empreitada árdua, mas é bom para mostrar que ainda é possível manter boas idéias sem ficar preso às campanhas de marketing. Se você não está em condições de ajudar a cria de Wales, pelo menos espalhe a mensagem da doação do Eike Batista por aí. Só esperamos que essa campanha não o faça esquecer daquela idéia de trazer uma montadora da Apple para o Brasil. [EikepediaObrigado, Saulo!]