Depois de indas e vindas com a homologação do iPhone 4 pela Anatel, numa pequena novela com poucas informações e muita boataria, a agência confirmou que o aparelho está apto a ser vendido no Brasil na última segunda-feira, dia 23. Agora, é só questão de tempo para as operadoras colocarem o brinquedo em suas lojas. E TIM e Vivo saíram na frente, com o comum “cadastro para interessados”.

Como sempre, esse cadastro não quer dizer que você terá direito a ter o iPhone 4 antes de alguém. Você apenas receberá um aviso de que o aparelho já está à venda, assim como todos que colocaram seu e-mail, celular e CPF no cadastro. A Vivo colocou hoje seu sistema de registro no ar, e enviou o seguinte recado para nós: 

Para aqueles que já não agüentam esperar, a Vivo começa a dar pistas sobre o iPhone 4. O usuário que acessar o site iPhone da operadora poderá se cadastrar para receber por e-mail notícias exclusivas sobre o aparelho, como detalhes de suas funcionalidades, particularidades técnicas e, até, a data de seu lançamento. O endereço é: www.vivo.com.br/iphone. 

Já a TIM não emitiu nenhum posicionamento oficial sobre o assunto, mas desde ontem é possível fazer o mesmo cadastro no site. Mas vale lembrar que a operadora foi a primeira a dizer que venderia o aparelho “em breve”, numa curta nota enviada à empresa no meio de julho, sem nenhum tipo de informação mais concreta.

Apesar de nenhuma operadora confirmar a data do início das vendas, a chegada do iPhone 4 no Brasil é iminente. Podemos esperar novidades até na próxima semana, ou numa previsão menos positiva, na primeira quinzena de setembro. Por enquanto, ficam outras perguntas no ar: E a Claro? A Oi venderá o iPhone 4 no mesmo formato do iPhone 3GS? Teremos filas na porta de lojas, como nos EUA? E, principalmente, alguma operadora arriscará um preço mais agressivo para o novo aparelho? [TIM e Vivo]