Tem um BlackBerry e vai viajar? Vá mesmo, seu nômade – só não tente fazer isso nos Emirados Árabes Unidos (EAU) a partir de outubro. O órgão regulatório de telecomunicações de lá baniu todos os BlackBerries e serviços de BlackBerry. E a Arábia Saudita pensa em fazer algo semelhante.

Abu Dhabi: A Autoridade Regulatória de Telecomunicações (TRA) confirmou no domingo que o BlackBerry Messenger, BlackBerry E-mail e navegação na web pelo BlackBerry nos EAU serão suspensos a partir de 11 de outubro.

A suspensão é um resultado do fracasso de tentativas em andamento, iniciadas pelo menos desde 2007, de colocar os serviços BlackBerry nos EUA de acordo com as regulações de telecomunicações dos EAU.

O maior problema para quem usa BlackBerry é que a RIM obedece às regulações em outros países com regras semelhantes – só não nos EAU. Vai que um provocou o outro e eles brigaram, sei lá.

Claro, se a BlackBerry conseguir adequar seus aparelhos e serviços aos desejos da TRA – basicamente, que todos os dados e informações dos BlackBerries passem por servidores regulados pelo governo – eles poderão continuar funcionando. Por enquanto, nada de BBM pra você!

E a Arábia Saudita está pensando em banir o BlackBerry Messaging, de acordo com uma fonte anônima da empresa. Se a medida for mesmo aprovada, provavelmente o motivo serão "preocupações com segurança" – ou seja, que o governo não consegue fuçar nos dados que trafegam pelos aparelhos e serviços da RIM. [Gulf Newsvaleu, Marko]