Ontem, o Facebook e o MySpace fizeram um anúncio em conjunto! Eles vão passar a compartilhar dados! Ótima notícia para os dois rivais, certo? Exceto que isso é patético. Passar informações do Facebook para o MySpace é dar os restos de comida do primeiro para o segundo.

O MySpace parou de ser relevante há um bom tempo, mas o anúncio de ontem poderia ter sido uma grande notícia, antes de tudo pelo fato de ambos estarem trabalhando juntos. Esta dupla colaborando é como duas meninas metidas e populares do colégio andando juntas, só que uma tá meio gordinha e deprimida e ninguém gosta mais dela, exceto bandas ruins e robôs de spam.




Basicamente, o "mashup" (porque a palavra mashup faz tudo parecer legal) significa que os usuários do MySpace poderão, com "uma configuração simples de um clique", importar seus interesses e cliques no botão "Curtir" do Facebook para a conta do MySpace, fornecendo informações personalizadas para tal usuário. Então se você curtir alguém no Facebook, você será ligado à página do MySpace dele. O sentido disto deve estar claro: o MySpace, por si só, é chato e ultrapassado. Ele percebeu que tem uma vaca que não dá mais leite – e precisa fazer acordo com alguém mais poderoso para obter ajuda. Tem muito mais gente contando seus interesses pro Facebook, e não pro MySpace. As vidas online de muitos estão com o Zuckerberg, e não com o Tom. O MySpace é um lugar abandonado. Nem isso: lugares abandonados dão um ótimo cenário para histórias e filmes. O MySpace é um porão decrépito da tia de alguém, cheio de toalhas emboloradas e lembranças envelhecidas.

É uma medida desesperada do MySpace, um reconhecimento da sua irrelevância e da dominância do Facebook nos dados sociais. (Cuidado, Orkut!) E o mais triste de tudo? O Facebook não quer nem saber do MySpace. O fato que o Facebook não se importa de deixar você levar suas preciosas informações para o que ao menos costumava ser um concorrente direto mostra como a concorrência na verdade é pequena. É o equivalente a dar suas camisetas velhas e rasgadas pra caridade. Bem, claro que este não foi um ato de caridade – provavelmente o MySpace teve que pagar algo pro Facebook antes do acordo ser anunciado – mas solidifica a posição do MySpace como uma coisa do passado. Qual foi a última vez que você logou na sua conta? Você ainda tem uma? Alguém estaria falando sobre o MySpace se não fosse pelo Facebook entregar os restos pra ele?

Provavelmente não. Isto não foi um acordo entre os dois – foi o levantar de uma bandeira branca. [MySpace]