Baseado em imagens de satélite coletadas da internet —  em vez de usar uma câmera –, o artista Hubert Blanz criou estas imagens incríveis de aeroportos para sua série “X-planation”. Eu raramente tenho enjoo ao ver fotos, mas passear por essas imagens me dá vontade de vomitar.

As fotos são, obviamente, o resultado de uma esperta movimentação de pixels no Photoshop, mas o efeito nauseante de seu cérebro tentando entender o uso de diferentes perspectivas na mesma imagem é bem real. Se ele tivesse recortado e reposicionado fotos de aeroportos tiradas do mesmo ponto de vista — aéreo — o cérebro não teria problemas em compreender a composição final. Mas ao mixar imagens tiradas de diversos ângulos, o nó acontece e fica difícil para seu cérebro entender qual é o caminho certo das coisas.

Tudo que posso dizer é que felizmente M.C. Escher ouviu seu coração e virou artista, e não um planejador de aeroportos. Já é bem difícil encontrar o portão certo sem ter que lidar com algumas dimensões a mais. [Hubert Blanz via MyModernMet]