Nesta terça-feira, um foguete Antares carregando 2.293 quilos de suprimentos para a Estação Espacial Internacional (ISS, na sigla em inglês) explodiu logo após o lançamento no complexo da Orbital Sciences Corp na Ilha Wallops, no estado da Virgínia, EUA. Não houve feridos, segundo a NASA, que também diz que os suprimentos não eram urgentes na ISS.

Explosão do foguete Antares

Em uma entrevista coletiva, Frank Culbertson, vice-presidente executivo da Orbital, explicou mais ou menos o que aconteceu. Segundo Culbertson, “houve uma ‘desmontagem’ do veículo de lançamento, seguida de um comando de auto-destruição feito pelo oficial de segurança”. O executivo diz que trata-se de um procedimento padrão para casos como esse: em vez de lançar um foguete sem controle cheio de combustível que pode cair e destruir uma área povoada, é emitido um sinal para explosão do veículo.

O lançamento do Antares era de responsabilidade da Orbital Science Corporation – trata-se da terceira missão de suprimentos que a empresa faria com base em um contrato com a Estação Espacial Internacional. A equipe de controle agora segue procedimentos de contingência para saber o que exatamente deu errado no momento do lançamento do foguete.

Explosão de foguete Antares

O Antares tinha lançamento previsto para segunda-feira, mas um “barco no terreno em área de risco” fez com que a missão fosse adiada para terça-feira. Felizmente, no momento do lançamento fracassado, não havia ninguém próximo ao foguete – portanto, ninguém se feriu.

Muita gente conseguiu capturar o exato momento da explosão em vídeo. Eis alguns ângulos:

O vídeo abaixo foi capturado por Ed Sealing, um piloto que voava próximo ao local de lançamento e conseguiu pegar um ângulo bem diferente da explosão:

Foto via NASA