Um endereço de correspondência do Facebook na cidade de Menlo Park, na Califórnia, foi evacuada após a detecção automática de sarin, um químico cuja ação sobre o sistema nervoso pode ser fatal.

O sarin é incolor, inodoro e insípido. Ele teria sido detectado por máquinas de escaneamento de correio no imóvel. Segundo informações da Reuters reproduzidas pela Folha, dois funcionários podem ter sido expostos, mas. de acordo com Joe Johnson, do corpo de bombeiros da cidade, as duas pessoas não apresentam sinais ou sintomas. Johnson acrescenta que o protocolo padrão foi adotado após a detecção automática de um pacote suspeito, e verificações adicionais estão sendo feitas para confirmar ou descartar essa hipótese.

O pacote foi descoberto por volta das 11h no horário local (15h no horário de Brasília), e quatro prédios foram evacuados imediatamente. Apenas um — o serviço de triagem de correspondência em Hamilton Court, número 1195 — permanece fechado. De acordo com o Los Angeles Times, funcionários do FBI chegaram ao local e abrirão uma investigação se o pacote for positivo para sarin.

“Às 11h da manhã, um pacote entregue em uma de nossas salas de correio foi considerado suspeito. Nós evacuamos quatro prédios e estamos conduzindo uma investigação completa em coordenação com as autoridades locais ”, disse o porta-voz do Facebook, Anthony Harrison, ao Gizmodo. “As autoridades ainda não identificaram a substância encontrada. A partir de agora, três dos edifícios evacuados foram liberados. A segurança de nossos funcionários é nossa principal prioridade e compartilharemos informações adicionais quando estiverem disponíveis.”

Atualização [2 de julho, às 14h10]: O Facebook informou que os testes para sarin deram negativos e todos os prédios foram liberados.

[CNN/LA Times/Folha]