Fernando Meirelles é um respeitado diretor de cinema brasileiro. O cara dirigiu alguns grandes títulos dos últimos anos, como Ensaio Sobre a Cegueira e o premiado Cidade de Deus. Mas o que sobra de talento para o cinema no diretor parece estar faltando em como usar a Internet. Fernando, esses links que você está postando no Twitter estão errados. Bem errados.

Em seu perfil no Twitter o diretor compartilhou uma “ótima versão de Faroeste Caboclo” e deu um ultimato: “vou atormentá-los com o lançamento de 360” (seu novo filme). O único detalhe é que ele publicou links do próprio PC acreditando que os arquivos se tornariam acessíveis a todos. Normal, isso acontece com todo mundo. Minto, não acontece. Mas vá lá: tenho certeza que uma tia sua já fez coisa parecida. Faz parte. E pensemos bem: você queria mesmo ouvir uma versão de Faroeste Cabloco cantada pelo Afro Reggae? É algo que requer muita reflexão.

Mantendo o bom humor, após ser alertado da escorregada ele mandou: “Desculpe a burrice aqui, vou chamar os universsitearios e aprender.” Tá tranquilo, Fernando! Sugerimos que você aprenda com esse FAQ do Twitter: file:///Users/gizmodobrasil/Desktop/Tuitar_É_Moleza_-_Um_Guia_Prático.pdf. [Twitter]