Já faz um tempo que eu não jogo Guitar Hero, mas sabe o que iria mudar isso rapidinho? Se cada botão do jogo que eu apertasse fizesse uma chama subir até o céu. Esta é a magia do FireHero. E ele é incrível.

Um projeto maluco de Chris Marion, o FireHero liga uma guitarra do Guitar Hero a um microcontrole, que por sua vez controla retransmissores que ativam válvulas de solenoide em cinco lança-chamas pirotécnicos. É aí que AC/DC e Motley Crue (abaixo) se tornam combustíveis.



Para instruções completas e detalhadas, veja o site do Chris aqui, depois de fazer um bom seguro de vida. Mas se você ficar contente em assistir a essa loucura de longe, prepare-se para o FireHero 2, em breve, com chamas que mudam de cor e modo Star Power com lança-chamas extra. Mal posso esperar. [Chris Marion via The High Definite via Gamma Squad]