O Burning Man, aquele evento maluco que acontece todo ano no deserto de Nevada, em breve receberá a visita de uma estrutura voadora que tem pouco a ver com narcóticos, mas muito a ver com a visão inocente que a década de 40 tinha das viagens espaciais.

Chamado Raygun Rocket, a peça de arte é um foguete interativo de 12 metros com 4 "andares", aparentemente saído direto de um desenho do Marvin Marciano. A coisa toda, incluindo a "plataforma de lançamento" em LED, é energizada por painéis solares.

A obra representa "O Futuro Que Nunca Aconteceu". Só é uma pena que eles não tenham conseguido dar um jeito do negócio voar. Tenho certeza que no Burning Man haveria uma boa quantidade de tripulantes voluntários.

Uma imagem do foguete sendo fabricado. Os designers dizem que ele é facilmente transportável via caminhão-baú e baixa órbita terrestre. Ok, só por caminhão baú. [Raygun Gothic Rocket via CNET]