A existência de um novo avião secreto, fotografado semana passada, foi confirmado pela Força Aérea dos EUA. A nave secreta agora tem um nome oficial: RQ-170 Sentinel, uma asa voadora desenvolvida pela Skunk Works, de Lockheed Martin.

A RQ-170 é uma aeronave stealth não-tripulada, criada para "fornecer suporte de reconhecimento e vigilância para enviar forças de combate mobilizadas". Ela é pilotada pelo 30° Esquadrão de Reconhecimento no Campo de Testes de Tonopah, no estado de Nevada, sob o comando da 432d Air Expeditionary Wing, do Comando de Combate Aéreo, na Creech Air Force Base, Nevada.

A nave tem 19,8m de envergadura (distância entre as pontas das asas), com um corpo gordo e design com as asas coladas ao corpo, de forma que não se distingue um do outro. Ela não é armada e, de acordo com David A. Fulghum do blog Ares, ela tem uma cor clara que é incomum para um veículo aéreo não-tripulado. [Ares]