Eu adoro fotografias com câmera pinhole. O fato de você tirar uma foto com o mínimo possível de dinheiro, sem lente, com uma caixa e um buraco refletindo a imagem é lindo. E ainda mais quando você tira fotos assim com exposição por meses – ou até anos – a coisa fica ainda mais romântica. A mais longa exposição, essa da foto, mostra 34 meses da vida de Nova Iorque.

Ela foi tirada pelo artista alemão Michael Wesely, que trabalhou em conjunto com o Museum of Modern Art de NY para registrar a destruição (e a construção seguinte) do prédio do museu. As imagens são quase fantasmagóricas, e são uma ótima lembrança do patrimônio do MoMA. Dê uma olhada na galeria abaixo para mais imagens, e se você está pensando em salvar as imagens, por que não comprar o livro do artista? [Michael Wesely via Itchyi via Dudecraft via Neatorama]