Você pode se surpreender ao saber que as fotografias da série “Fox River Derivatives“, de Peter Hoffman, ganharam sua beleza etérea e psicodélica de uma fonte relativamente violenta. Essas bolhas roxas são o resultado de um negativo que foi encharcado com gasolina e incendiado.

Inspirado pelo desastroso vazamento de petróleo da BP em 2010, Hoffman começou a fazer experimentos com formas de incorporar o tema “água e óleo” em seu processo de fotografia.



Estas fotos foram tiradas com uma câmera analógica, daquelas que usam filme fotográfico, e o rio Fox – que se estende por 325 km na região central dos EUA – serviu de pano de fundo para a visão artística de Hoffman.

Depois de revelar o filme fotográfico, ele cobriu os negativos em uma camada de gasolina, deixou-os cair em uma poça de mais gasolina, e os destruiu com a sua pièce de résistance – um fósforo em chamas.

Um respingo de água fria interrompeu a destruição dos negativos, e estes são os resultados. Tudo bonito de se ver, de fato. Mas por favor, não tente fazer isso em casa. [Peter Hoffman via PetaPixel]

negativo (4) negativo (2) negativo (3) negativo (5)