A Fuji acaba de anunciar um quarteto de câmeras megazoom (leia: de lente fixa), sendo que a mais impressionante é esta HS10. Ela não vai te dar o nível de controle de uma DSLR, mas parece comer qualquer point-and-shoot no café da manhã.

A HS10 (10MP, acima), é interessantemente poderosa: ela tem zoom óptico manual de 30x (equivalente a 24-720mm), o que significa que você pode torcer a lente como em uma DSLR destacável (algo que dá mais controle mais rápido e preciso). Nunca tinha visto em uma câmera de lente fixa. Ela também faz vídeos em 1080p, incluindo um burst mode de 7-frames a 10fps e um novo modo "Super High Speed Movie", que consegue fazer vídeos em câmera lenta com até 1000fps. A HS10 também se dá bem em situações de baixa luminosidade, graças ao sensor BSI-CMOS, e tira fotos simulaneamente em RAW e JPEG. Chega em abril, por US$ 500.

As outras duas megazooms, a S1800 e a S2550HS, são bem similares: ambas têm 12MP com 18x de zoom, lentes de 28mm-504mm, gravação de vídeo em 720p e uma LCD de 3 polegadas. As diferenças: A S1800 temrotação automática de imagens e autofoco com acompanhamento, enquanto a S2550HD tem uma porta mini-HDMI. A S1800 vai custar US$ 230 e a S2550HD vai custar US$ 250, quando ambas chegarem em março.

Finalmente, temos também  a "megazoom compacta" da família, a F80EXR. Ela tem uma equivalente a 27mm, zoom óptico de 10x, melhorias em flash e baixa luminosidade, e, er… reconhecimento facial para animais de estimação. Chega em abril, a US$ 300. [Fuji]