O primeiro smartwatch lançado pela Samsung foi o Galaxy Gear, que chegou ao mercado no fim do ano passado e não nos agradou muito. A coreana lançou alguns modelos novos já neste primeiro semestre de 2014, e todos eles tinham uma grande diferença em relação ao original: eles rodavam o Tizen, sistema operacional desenvolvido pela própria Samsung, e não mais um Android modificado. Agora a diferença entre eles não é mais tão grande: o Galaxy Gear está sendo atualizado, e isso inclui a substituição do Android pelo Tizen.

A versão 2.2.0 do Galaxy Gear está sendo enviada para usuários do relógio de pulso inteligente e, mesmo que tenha uma grande alteração no sistema que controla o smartwatch, provavelmente a maior parte dos usuários sequer vai perceber. Isso porque o Tizen no Galaxy Gear é virtualmente idêntico ao Android. O que muitos vão notar é a inclusão de novos recursos, que fazem com que o dispositivo seja um pouco mais útil do que era.



Agora, o Galaxy Gear tem um player próprio de música e pode armazenar canções internamente. O desempenho geral foi melhorado, assim como a duração da bateria. A câmera ganhou comandos de voz, e grande parte dos recursos introduzidos no Gear 2 e Gear 2 Neo foram incorporados ao Galaxy Gear: modo de exercícios, para monitoramento de corridas e caminhadas; app de controle para gerenciamento rápido de brilho e volume, e mais. O que ficou de fora é o que exige alguma peça de hardware específica para funcionar, como sensor de batimentos cardíacos.

A atualização está sendo distribuída através do Samsung Kies, mas cuidado: antes de mudar o sistema operacional do seu Galaxy Gear, faça um backup dele, já que todos os dados serão apagados durante a atualização. Outro incômodo para os usuários do Galaxy Gear é que alguns apps param de funcionar com o Tizen, já que eles ainda precisam ser adaptados por seus desenvolvedores para o novo sistema. O vídeo abaixo, do SamMobile, mostra o Galaxy Gear (à esquerda) rodando uma versão preview do Tizen, em comparação com o Gear 2 e o Gear 2 Neo: [TechCrunch, SamMobile]