Estes mapas são feitos com lâminas e estilhaços de espelhos

28 de novembro de 2014 às 17:59




Damien Hirst adora bancar o provocador. O artista faz mosaicos com remédios e esculturas com taxidemria. Agora, em sua última série de pinturas, ele retrata cidades em conflito. Mas, olhe mais de perto: o que parecem ser inocentes imagens de satélite em preto-e-branco são, na verdade, montagens com objetos cortantes e perigosos.

Dezessete cidades envolvidas em algum tipo de conflito tiveram seus mapas representados sobre um fundo preto, com as ruas e prédios formados por bisturis, zíperes e alfinetes de segurança. Mas cada cidade também tem suas surpresas. Então, entre ferro e vidro, você encontra agulhas de tatuagem (Moscou), anzóis de pesca (Rio), tampas de garrafas de champanhe (Paris) e estilhaços (Bagdá).

As obras estão expostas no White Cube São Paulo até janeiro.


Todas as imagens foram fotografas pela Prudence Cuming Associates © Damien Hirst/Science ltd. Todos os direitos reservados, DACS 2014

Os comentários estão desativados.