Em dezembro, a agência britânica de inteligência GCHQ publicou um quebra-cabeça diabolicamente difícil e convidou o mundo a resolvê-lo. Ninguém conseguiu. Por isso, agora ela publicou as respostas.

A GCHQ afirma estar “muito satisfeita com o interesse demonstrado” no quebra-cabeça, mas observa que “ninguém encontrou as quatro respostas adicionais pretendidas, envolvendo a reinterpretação do x como um sinal de multiplicação” em uma parte final do puzzle.

E olha que a internet se esforçou! A GCHQ observa que “muitas pessoas formaram equipes virtuais em vários fóruns da internet para resolver muitas das questões em conjunto, e houve quem desenvolvesse pequenos programas de computador para testar possíveis combinações matemáticas e chegar a uma solução mais rapidamente”. E ainda assim, não surgiram soluções totalmente corretas!

Então, quais eram as respostas? São elas:

MANAGERMENMERCURY
XIV
XX
L
XXXI
XXII
LXI
XXV
KRONECKER
ORIENTABLE
BILBO
MXAHRYESP
HXRMSAEPY
ECHO
SEPTEMBER
URANUS
EIGHT (ou FOURTH)
TREASURE
DUCK
PALM
OBFUSCATING
STEGANOGRAPHY

A agência diz que “não há um tema geral que ligue estas respostas. Isso foi feito deliberadamente para garantir que uma solução completa e definitiva não pudesse ser facilmente identificada”.

mafp0csx1abrwu1p9fsk
A solução para o quebra-cabeça inicial

E como chegar a essa solução? Você pode ler todas as 23 páginas explicando isso neste link.

A primeira parte do quebra-cabeça era simples, e criava um código QR que, em seguida, levava os jogadores para as próximas fases: um labirinto de links com perguntas difíceis que envolvem sequências, códigos e elementos que não pertenciam a determinado conjunto.

Depois, havia alguns enigmas de palavras, enigmas de números e, finalmente, uma série de “puzzles diversos” – incluindo palavras cruzadas, caça-palavras, estratégias de xadrez, e quebra-cabeças de correspondência de padrão. Ah, e um desafio que criava a imagem de um pato.

A GCHQ afirma que um quebra-cabeças de matemática na seção final foi o que causou mais dores de cabeça. Talvez com as soluções na sua frente, tudo faça um pouco mais de sentido – elas estão no link a seguir: [GCHQ]