Confirmando rumores, o Google acabou de anunciar um novo serviço: ele faz parte do Gmail e se chama Google Buzz. Em um PC, o Buzz nos lembra de um feed RSS combinado com todas as suas redes sociais — tudo dentro da infraestrutura do Gmail. E no celular ele é ainda melhor. As principais funções são:

  • Lista de amigos automática: os amigos são adicionados automaticamente, pessoas com quem você trocou e-mails no Gmail;
  • Compartilhamento abundante e rápido combina fontes como Picasa e Twitter em um só fluxo, e inclui navegação por fotos em tamanho original;
  • Compartilhamento público e privado: trocas entre amigos e família;
  • Integração com a caixa de entrada: em vez de enviar e-mails com atualizações, como fazem o Facebook e o Orkut, as funções do Buzz incluem e-mails que se atualizam dinamicamente com o conteúdo do Buzz, como o visualizador de fotos mencionado acima;
  • "Buzz Recomendado": coloca conteúdo de amigos de amigos no seu fluxo, mesmo se vocês não se conheçam. As recomendações aprendem com o tempo a partir de seu feedback.

 

   

O Buzz também funciona em celulares, e no iPhone e no Android ele é ainda melhor que no computador: a página inicial do Google foi remodelada para incluir as atualizações do Buzz; o Google oferece um web app, localizado aqui, com superpoderes de reconhecimento de fala (no iPhone 3GS e Android 2.0); e o serviço inclui geotagging automático (opcional) com forte integração a uma nova versão do Google Maps. A partir da sua localização, o Buzz pode sugerir lojas e restaurantes próximos de você, e você pode ver quem está no Buzz próximo de você, mesmo que você não conheça a pessoa. Veja o Buzz para celulares em ação neste vídeo.

O serviço está sendo liberado aos poucos a todos os usuários do Gmail. [Google Buzz]