Desenhar pode ser frustrante para algumas pessoas – às vezes, o que sai são palitinhos tortos e círculos deformados. A nova inteligência artificial do Google resolve o problema: batizada de AutoDraw, o software analisa os traços em tempo real e sugere uma figura correspondente, utilizando sua tecnologia de reconhecimento de imagem.

• Jogo do Google usa inteligência artificial para adivinhar o que você está desenhando
• Batendo um papo com o Watson sobre obras de arte na Pinacoteca de São Paulo

A tecnologia por trás do AutoDraw vem de outro experimento de inteligência artificial e aprendizado de máquina da companhia, o Quick Draw – aquele joguinho que tentava adivinhar o que você estava desenhando.

A nova ferramenta pode ser utilizada tanto no smartphone, quanto no computador, tudo pelo navegador. A experiência é bem direta: você começa a desenhar qualquer coisa e o algoritmo vai identificando o que está na tela para retornar combinações adequadas, que aparecem novo topo da tela. Por exemplo, uma tentativa de desenhar uma bicicleta retorna mais de um tipo de bike e até uma moto. Depois de escolhido o seu vetor, dá para modificar as cores e adicionar outros elementos, como texto.

Nem sempre o algoritmo consegue identificar o seu desenho e às vezes são exibidas algumas sugestões bizarras. Quando tentei desenhar uma montanha, ele mostrou sugestões como arco-íris e até tubarões. Ainda assim, ele pode ser bem inteligente: um par de triângulos pode se transformar num peixe, como mostrou o pessoal do Verge.

O Google disponibilizou a ferramenta para o público é ela é bem divertida de se usar; nunca foi tão fácil fazer um convite para a festa de aniversário da sua sobrinha. Para brincar é só acessar este link. Ah, e artistas que quiserem colaborar novos desenhos podem fazer isso aqui.

[Google]