Quem nunca pesquisou no Google sobre alguma manchinha diferente que surgiu na pele? Pensando nisso, a empresa anunciou uma ferramenta que planeja usar inteligência artificial para ajudar os usuários a aprender mais sobre doenças comuns da pele — ajudando-os a entender melhor o funcionamento do próprio corpo.

O aplicativo, chamado Derm Assist, usa técnicas semelhantes às usadas para identificar doenças oculares e câncer de pulmão. O funcionamento é simples: basta usar a câmera do celular para captar uma imagem da pele. A partir daí, a IA procura uma correspondência em um banco de dados de 288 doenças de pele. Em seguida, o recurso apresenta um resultado com taxa de precisão de até 97%.

A ferramenta só precisa de três fotos mas, para obter resultados mais precisos, será possível preencher um questionário opcional para fornecer mais detalhes sobre sua condição de pele. Ainda assim, o Google deixa claro que esta não é uma ferramenta de diagnóstico, mas sim uma maneira de ajudar a restringir as possíveis condições para que você possa determinar a urgência (ou não) de consultar um médico.

Assine a newsletter do Gizmodo

Ao construir este aplicativo, a empresa fez questão de obter diversos dados para ensinar a IA e o aprendizado de máquina a identificar doenças de pele em pessoas negras. A esperança é que indivíduos do mundo mundo todo possam ser beneficiados. A previsão de lançamento, por sua vez, é para o final de 2021.

[Cnet]