Nesta terça-feira (12), durante o evento Google I/O 2021 transmitido online, o Google revelou as primeiras novidades oficiais do Android 12. Além de manter o foco em privacidade das versões anteriores, o novo sistema trará uma grande mudança no visual do sistema — a maior da história da plataforma, segundo o próprio Google. O beta do software já está disponível.

Novo design

Há alguns anos, o Google apresentou o Material Design, que priorizava um layout simples para o Android e ditou o visual do sistema até então. Agora, pode-se dizer que chega uma evolução desse conceito: o Material You, que é ainda mais minimalista, priorizando menos itens na tela e se focando no que realmente importa. Isso vai garantir uma navegação mais fluída e com menos de chance de travamentos.

O Material You também tem um apelo bastante significativo na customização. As cores, por exemplo, serão definidas a partir dos tons dominantes da imagem de fundo aplicada no seu smartphone. Então se eles puxarem para um tom mais esverdeado, as cores de todo o sistema também ficarão nessa tonalidade. Obviamente você vai ter uma opção para se manter nos tons claros ou escuros, que já são clássicos da plataforma.

A mudança de cor vale não somente para o sistema, mas também para todos os aplicativos, widgets, central de notificações e configurações. Além da tela inicial, que se ajusta de forma dinâmica a partir do que você preferir deixar em exibição. Por exemplo, se você remover todos os itens da tela de bloqueio e deixar apenas o relógio, então o relógio muda de tamanho para ocupar um espaço maior.

Os widgets também passaram por uma reformulação completa, e agora possuem cantos arredondados dependendo do que você estiver fazendo em um determinado app. A central de notificações, por sua vez, não terá mais suas opções separadas em ícones circulares: em vez disso, o Google colocou cards retangulares para facilitar ativar ou desativar funções como Wi-Fi, Bluetooth e Lanterna.

GIF: Google

Outra novidade: o Google Assistente será integrado ao botão de Liga/Desliga. Você só precisará apertá-lo e segurá-lo para baixo por alguns segundos. Com esse detalhe, me pergunto como ficam os smartphones de algumas fabricantes que possuem um botão dedicado ao Assistente. Vamos aguardar.

Celulares da linha Pixel serão os primeiros a contar com o novo Material You. O Google diz que o design vai reduzir o uso de CPU em 22%, o que deve garantir mais rapidez durante a navegação em futuros dispositivos Android. E para a bateria, haverá uma redução de 15% no uso de núcleos voltados para tarefas que demandam mais energia.

GIF: Google

Chromebooks e Android Auto

Donos de Chromebooks agora poderão desbloquear seus notebooks sem precisar digitar senha no aparelho. Isso graças a um novo recurso no Android 12 que se conecta ao seu smartphone para fazer login e destravar o dispositivo. É bem parecido ao que acontece com MacBooks, que podem ser configurados para desbloqueio via Apple Watch.

Este mesmo conceito também chegará a carros com suporte ao Android Auto. O Google vai lançar uma função de chaves digitais para que veículos sejam liberados ou travados usando apenas um telefone com Android 12. Também será possível dar partida no automóvel remotamente, assim ele estará pronto para você dirigir assim que entrar nele. Se tiver algum amigo que precise do seu carro emprestado, o sistema contará ainda com uma opção para compartilhar sua chave digital.

As chaves digitais serão disponibilizadas primeiro para smartphones Pixel e alguns Samsung Galaxy no segundo semestre de 2021.

Assine a newsletter do Gizmodo

Ainda mais privacidade

Mantendo o compromisso em tornar o Android mais seguro par o usuário, o Google confirmou que o Android 12 contará com um novo painel de privacidade que mostra quais dados são acessados pelos apps instalados no seu celular, além de informar quando os programas estão ali monitorando sua atividade. O painel terá descritivos tanto dos apps de terceiros quanto do próprio Google, com a possibilidade de gerenciar ou revogar as permissões de cada ferramenta quando você quiser.

O Android 12 também vai avisar sempre que um aplicativo estiver usando o microfone ou as câmeras do seu smartphone. Neste caso, será exibido um pequeno ícone com os símbolos de uma câmera e microfone, e você também pode impedir esse acesso a hora que desejar.

GIF: Google

Por fim, o sistema ganhará um recurso chamado Private Compute Core, um mecanismo baseado em inteligência artificial que dispensa o uso de servidores na nuvem para processar determinadas atividades, priorizando essa ação localmente no dispositivo.

Android 12 Beta e lançamento da versão final

O Google liberou já nesta terça-feira (18) o primeiro beta do Android 12. O download está disponível para os smartphones da linha Pixel, além de de celulares de outras fabricantes — Realme a Sharp devem divulgar aparelhos compatíveis nas próximas semanas. São eles:

  • Asus Zenfone 8 (ZS590KS)
  • Google Pixel 3, 3 XL, 3a, 3a XL, 4, 4 XL, 4a, 4a (5G), 5
  • Nokia X20
  • OnePlus 9 e 9 Pro
  • Oppo Find X3 Pro (CPH2173)
  • TCL 20 Pro 5G
  • Tecno Camon 17
  • Vivo iQOO 7 Legend
  • Xiaomi Mi 11, Mi 11 Ultra, Mi 11i e Mi 11X Pro
  • ZTE Axon 30 Ultra 5G (China)

Segundo o Google, a versão final do Android 12 será lançada no terceiro trimestre de 2021.