Foi um dia cheio para o Android com vários anúncios na Google I/O, conferência para desenvolvedores que, para nós, meros mortais interessados nos últimos e mais legais gadgets do mercado, acaba servindo de vitrine para o amanhã. Perdeu alguma coisa? Não se preocupe: o resumão do Giz está aqui para salvá-lo.

Nexus 7, o tablet do Google

Ele veio e confirmou os rumores: um tablet de 7″, fabricado pela ASUS, com preço começando em US$ 199 (versão de 8 GB) e que claramente tem como rival o Kindle Fire, da Amazon. O Jelly Bean ficou especialmente saboroso no corpinho do Nexus 7 e as ofertas do Google Play e apps do próprio Google adaptados para o tablet parecem sensacionais. Ainda faltam apps, mas se não vingar como tablet, pelo menos um belo PMP ele será.

Android 4.1 Jelly Bean

Jelly Bean.

A nova versão do Android, codinome Jelly Bean, é um refinamento sobre o já belo Ice Cream Sandwich. Apararam algumas arestas, reformularam algumas partes das suas entranhas para tornar o sistema ainda mais rápido e fluído, e melhoraram diversos aspectos menores, em aparência e usabilidade. E tem o Google Now também, para o bem ou para o mal.

Nexus Q

Nexus Q.

É o primeiro equipamento do Google/linha Nexus destinado para a casa. O Nexus Q é um “dispositivo de streaming social” que conversa com a nuvem do Google para exibir conteúdo e permite interações sociais — você e seus amigos se conectam ao aparelho sem fios com smartphones e tablets Android e montam playlists, exibem filmes e outros tipos de mídia. Parece meio deslocado e nada divertido, além de custar caro, mas está aí para os interessados.

Expansão do Google Play

Além de apps, músicas, livros e filmes para compra e aluguel, o Google Play agora tem acordos com diversos canais de TV para oferecer séries e programas. Revistas conceituadas também chegarão à lojinha do Google. Infelizmente, nenhuma palavra sobre a chegada dessas novidades (e das antiguidades) ao Brasil…

Google Glass

Glass Explorer Edition: US$ 1.500

Sergey Brin subindo ao palco de surpresa, salto de paraquedas transmitido ao vivo, corrida de bicicletas dentro… Muita ação para começar o papo sobre Google Glass. Sobre os óculos, mais do mesmo e o início da pré-venda para desenvolvedores. O preço? US$ 1.500.