Como parte de uma série de atualizações de segurança do G Suite anunciadas nesta semana, o Google diz estar testando um novo padrão de autenticação de e-mai que exibirá um ícone da empresa ou marca ao lado do e-mail que o Google verificou como legítimo — uma medida que pode ajudar a conter o phishing e outras atividades maliciosas de maus atores.

Com o padrão BIMI, ou Brand Indicator for Message Identification (algo como “indicador de marca para identificação de mensagem”), o Google começará a exibir logotipos de marcas de organizações já autenticados usando o sistema DMARC — nesses pequenos balões de ícone de usuário no Gmail. Para que os logotipos das marcas apareçam na sua caixa de entrada e sinalizem que o remetente é quem eles dizem ser, as marcas terão que passar por um processo de verificação antiabuso, que a empresa disse que envolveria um processo de validação de autoridades de certificação, como Entrust Datacard e DigiCert.

Esse processo de verificação deve ajudar a conter as tentativas de phishing e ajudar os usuários a identificar melhor quando um e-mail é proveniente de alguém legítimo e não, por exemplo, um fraudador que tenta roubar seus dados. O Google disse que iniciaria o piloto “nas próximas semanas com um número limitado de remetentes”, embora o BIMI possa ser adotado mais amplamente no futuro.

Seth Blank, presidente do grupo de trabalho AuthIndicators e vice-presidente de padrões e tecnologias da Valimail, disse em comunicado que para os remetentes “que desejam criar uma presença de marca confiável por e-mail, o BIMI é uma grande oportunidade, incentivando-os a implementar autenticação forte, o que, por sua vez, levará a um ecossistema de e-mail mais seguro e confiável para todos”.