A Microsoft lançou um enorme atualização de segurança para o mês. A coisa estranha nisso tudo? Mais da metade dos bugs encontrados nos produtos da Microsoft foram relatados por ninguém menos que os engenheiros do Google.

Não é incomum para funcionários do Google descobrirem falhas de segurança no Word, Office, Internet Explorer e outros. Os empregados de Mountain View encontraram erros em outubro, novembro e dezembro, mas nenhum em janeiro. E a Microsoft deu crédito quando eles mereceram. Mas agora os caras do Google encontraram 33 dos 57 erros. Mateusz “j00ru” Jurzcyk foi o responsável por 32 deles, cinco dos quais Gynvael Coldwind colaborou. E essa foi uma das maiores atualizações da história, próximo ao recorde de 64.

Então por que empregados do Google estão vasculhando softwares da Microsoft? Bugs provavelmente foram encontrados enquanto os funcionários desenvolvem outros produtos – como o leitor de PDF do Chrome. Esses caras também podem simplesmente ser interessados em procurar falhas. Mas a Microsoft provavelmente gostaria de ver mais dos seus próprios funcionários corrigindo os problemas. [Microsoft via The Verge]

Imagem via Tischenko Irina/Shutterstock