Esta semana, o Google anunciou que proibiria fotos explícitas no Blogger, plataforma conhecida por seu endereço blogspot.com. Os blogs de pornografia atuais seriam marcados como “privados”, e o acesso a eles seria bastante restrito.

Combater a pornografia na internet é um exercício em futilidade, por isso o Google desistiu dessa ideia.

No fórum oficial do Blogger, uma funcionária do Google explica que a empresa recebeu “uma tonelada de feedback” – em especial, reclamações de pessoas que mantêm blogs de pornografia há mais de dez anos, e não queriam ver tudo sumir.

Então, em vez de banir conteúdo explícito, a empresa diz: “nós decidimos intensificar a execução de nossa política existente, que proíbe pornografia comercial”. Desde 2013, o Blogger proíbe o uso de conteúdo adulto para fins lucrativos. Isso significa que, se um blog tiver anúncios ou links para sites pornográficos comerciais, ele corre o risco de ser removido.

Essa política vale há anos, mas o Google nunca a aplicou com severidade: é fácil encontrar inúmeros blogspots cheios de anúncios para sites XXX. Parece que isso vai mudar daqui em diante; ou seja, os blogs pornográficos ainda não estão 100% seguros.

É melhor do que ser praticamente banido da internet, pelo menos. O clássico botão “Estou ciente e quero continuar” não deixará de existir. [Google via Engadget]

Foto por Max Fellmuth/Flickr