Aplicativos de realidade aumentada podem até ser promissores, mas ainda ficam atrás do GPS do celular velho desse cara. [Sheepfilms via b3ta via YBNBY]