Só o que este helicóptero precisa para levantar voo e lutar contra os Na’vi é de mais alguns ajustes aerodinâmicos, um motor um pouco mais potentes e um piloto dono de linhas de diálogo completamente previsíveis.

Os rotores parecem já estar girando com uma força considerável. Se não é suficiente para erguer o negócio, é certamente suficiente para machucar um dedo desavisado.

E parece bem reforçado, também, em termos de estrutura. O que é muito importante, inclusive, para a eventualidade do piloto ter um ego tão pesado quanto o do James Cameron. [Nowhere Else via CrunchGear]