Lá nos idos de 1970, um homem chamado Rudolph R. Resta perdeu a carteira dele. E incrivelmente, 40 anos depois, um guarda encontrou a mesma carteira e de alguma forma a devolveu para o sr. Resta, agora com 77 anos. Imagine só.

Imagine descobrir uma cápsula do tempo assim. Na carteira, havia fotos da esposa dele, que ele diz ainda ter seu glamour, uma foto dos dois filhos dele no quintal (agora quarentões) e até um cartão de crédito roxo e branco da American Express (que mais parece um pedaço de papel). Todo o dinheiro que estava na carteira já se foi há muito tempo, mas todo o restante ainda está lá, desde um recorte de um discurso até cartões de visita.

Isso até me faz querer perder a carteira pra ver se eu encontro daqui a 40 anos. Ia ter trabalho pra tirar os documentos de novo, mas ando sempre com pouco dinheiro mesmo, então tudo bem. [NY Times]