Homem procura hacker em classificados, mas acaba contratando policial disfarçado

Um cara queria contratar um hacker para "sumir" com umas multas dele de um sistema do governo. Ele só não sabia que o hacker era um policial disfarçado.

Se você acha que contratar um hacker pelo site de classificados Craigslist vai, de fato, te ajudar, um pequeno lembrete: é bem provável que você acabe contratando os serviços de um policial disfarçado.

Zachary Landis, que vive em Lancaster, no estado da Pensilvânia (EUA), acumulou US$ 16.000 em multas por ter dirigido embriagado e por ter cometido agressões. Inteligentemente, ele fez um anúncio no Craigslist, usando seu telefone e e-mail pessoal! — perguntando se algum hacker conseguiria apagar essas informações dos sistemas dos órgãos locais.

Como era de se esperar, um detetive mandou um e-mail para Landis, pedindo os números de registro das infrações. Landis, então, enviou todas as informações, dando ao Ministério Público local o que era necessário para complicá-lo. Ele foi acusado de violação de computador, uso fora da lei de computador e adulteração de registros públicos.

Lembrem-se, crianças: se vocês têm planos de hackear sistemas de computador do governo, TOR e a Dark Web estão aí a poucos cliques.

[Lancaster County Court via The Register]

Sair da versão mobile