Basta para a Beats: ela pulou do barco de sua parceria com a HTC e está comprando de volta seus 25% atualmente nas mãos da fabricante taiwanesa.

A HTC investiu US$ 300 milhões em 2011 por 50,1% da Beats. Ano passado, ela recomprou 25% desse bolo por US$ 150 milhões. Hoje, a Beats retoma volta a ter controle total sobre si mesma ao custo de US$ 265 milhões.

Não está claro o que o futuro reserva para ambas: embora a HTC diga que a Beats permanecerá como uma importante parceria, a fabricante de fones de ouvido sequer teve o trabalho de comentar o acordo. Com os lucros da HTC indo pelo ralo e a Beats mandando bem, pode ser o fim daquele logo na parte de trás dos smartphones da HTC. Algo bom, afinal, nesse rompimento. [Dow Jones via Engadget]