Você sabia que, além de sensores de luz, giroscópios e acelerômetros, a maioria dos tablets e smartphones tem um magnetômetro? Talvez não seja tão óbvio a vantagem de se ter um, mas, como o vídeo acima mostra, você pode usar imãs para interagir com seus aparelhos. É bem mais legal que usar os dedos ou as canetas stylus.

O hardware que já vem nesses dispositivos é capaz de distinguir a força e a posição de um imã com uma precisão considerável. Como os pesquisadores Andrea Bianchi e Ian Oakley, da Universidade da Madeira e da Carnegie Mellon Europe, descobriram, esses magnetômetros permitem a construção de objetos que podem ser usados de maneira que uma stylus normal não pode. Por exemplo, um app de desenho poderia reconhecer quando uma stylus estivesse sendo usada para riscar ou apagar, desde que ela tivesse um imã em cada ponta. Legal, né? Principalmente porque sempre fomos ensinados que eletrônicos e imãs não devem se misturar. Mas esses podem.  [Andrea Bianchi via Make]