por Bruno Izidro

Talvez a única coisa mais legal do que capturar Pokémons e batalhar com eles seja fotografá-los das mais variadas poses. Pokémon Snap provou isso muito bem, e não é à toa que esse clássico do Nintendo 64 é um dos jogos lembrados com mais carinho pelos fãs.

Enquanto a Nintendo nunca deu a devida atenção a ele, agora nós poderemos matar a saudade de nossa vida de fotógrafo profissional de monstrinhos com Jake and Tess’ Finding Monsters Adventure, jogo anunciado essa semana pela Black River Studios, de Manaus.

Finding Monsters Adventure terá uma versão mobile, que será lançado em outubro. Ele também terá uma versão para o Samsung Gear VR, o aparelho de realidade virtual que chegará oficialmente em novembro. Sim, um jogo inspirado em Pokémon Snap em realidade virtual. Como ninguém tinha pensado nisso antes?

Assim como no jogo de Nintendo 64, em Finding Monsters Adventure o objetivo é fotografar e catalogar vários monstros que vivem em um mundo mágico. Porém, não basta qualquer foto das criaturas. “Cada um (dos monstros) tem uma personalidade e reações diferentes”, fala o produtor do jogo, Ed Lago, ao Gizmodo Brasil.

Ele fala que, para obter a melhor foto, será necessário interagir com os monstros, observar seus comportamentos e é aí a parte de realidade virtual vai se diferenciar da versão normal mobile. “No VR os monstros ficam mais próximos da visão do jogador, e as interações para certas ações acontecem através do touchpad e do movimento de cabeça que o Gear VR nos permite”, esclarece o desenvolvedor.

As versões mobile e VR de Finding Monsters Adventure estão sendo desenvolvidas em paralelo por dois times dentro da Black River e é o primeiro jogo autoral do estúdio, que tem quase dois anos.

12003297_1654184061461949_218658083843963298_n

A versão mobile, que chega agora em outubro, está há mais tempo em desenvolvimento, desde 2014. Já a edição VR começou a ser criada no início desse ano. “A versão VR inicialmente era pra ter sido um port, mas conforme o desenvolvimento foi rolando, a equipe percebeu que a experiência era totalmente diferente”, fala Ed, que está a frente da versão de realidade virtual de Finding Monsters Adventure.

Por ter essa experiência diferente em realidade virtual, o desenvolvedor fala que a versão terá características e alguns recursos próprios, porém ainda não pode divulgar quais são.

fma_vr_screenshot_01

Apesar do visual mais infantil, os desenvolvedores garantem que os vários desafios vão agradar também aos adultos, principalmente aqueles saudosos que fotografavam Pikachu, Bulbassauro e companhia nos anos 2000. Por falar em Pokémon Snap, os desenvolvedores admitem, claro, a forte inspiração, mas ela não é a única.

“O jogo final tem inspirações de Pokémon Snap (tirar fotos); Nintendogs, na relação entre o jogador e o monstro; e Captain Toad, por causa dos replays e desafios”, comenta Ed Lago. Ou seja, um jogo bem Nintendo, mas tudo na palma da mão e, o melhor, de graça.

A Black River Studios faz parte do Samsung Instituto de Desenvolvimento para a Informática da Amazônia (SIDIA); por isso, o jogo Jake and Tess’ Finding Monsters Adventure será exclusivo para os aparelhos da empresa. Ele será compatível com Galaxy S5, S6, Note 4 e 5 e o tablet Tab S2. Já a versão VR tem previsão de lançamento próximo a chegada da edição de consumidor do Samsung Gear VR, previsto para novembro.