A Kalashnikov ficou famosa por fabricar as metralhadoras AK-47, mas tem tentado diversificar os seus negócios. Nesta semana, a empresa russa revelou uma frota de veículos elétricos e híbridos, incluindo motocicletas, buggies e até um carro que, segundo eles, virá para competir com a Tesla.

O carro, chamado de CV-1, foi baseado no modelo IZH-21252, também conhecido como “Kombi” (infelizmente, não aquela Kombi que a gente conhece), que foi produzido entre 1973 e 1997.

Apesar dessa semelhança, o novo veículo também lembra outro modelo, esse da era Soviética: o Trabant, que tem uma história bem interessante, contada pelo pessoal do FlatOut. Aqui no Gizmodo Brasil, a gente achou o carro bem parecido com o glorioso Chevette.

O CV-1, segundo a Kalashnikov, vai de 0 a 100 quilômetros por hora em aproximadamente seis segundos. A bateria dele tem capacidade de 90 kilowatts por hora e autonomia de 350 quilômetros.

A empresa disse que desenvolveu uma tecnologia inovadora para o carro, incluindo um “inversor” revolucionário. “Essa tecnologia nos permitirá ter uma posição no cenário global de carros elétricos como a Tesla e ser sua concorrente”, conforme o comunicado da companhia.

Segundo o Guardian, a Kalashnikov tem tentado expandir sua marca e recentemente lançou linhas de roupas e capinhas de celulares.

[Guardian, TechCrunch]