A Amazon anunciou há pouco um novo programa chamado Kindle MatchBook. Nele, todos os livros físicos comprados desde a abertura da loja poderão ser “recomprados” para o Kindle por preços módicos — no máximo US$ 2,99.

Ouvi um “finalmente” ali no fundo? Pois é. O equivalente em livros ao que a Apple fez para a música com o iTunes Match era um desejo antigo de leitores que, antes do lançamento do Kindle, devoraram centenas de árvores para ler suas histórias e aprender mais com livros técnicos.

No Kindle MatchBook, a Amazon mostra todo o seu histórico de compras de livros de papel — e vai longe, desde a abertura da loja, em 1995 — e oferece as edições Kindle dos mesmos por preços que variam de US$ 2,99 a de graça. A disponibilidade depende da adesão das editoras ao programa e, neste início, ele já conta com mais de 10 mil títulos.

Os ebooks adquiridos pelo MatchBook trarão todas as vantagens dos demais ebooks vendidos pela Amazon, como o X-Ray, sincronia da leitura via Whispersync, destaques populares e acesso via apps em diversas plataformas.

A novidade, que há muito era esperada, pode ser uma resposta aos indícios de estagnação nas vendas de ebooks. Seja por este motivo ou não, de repente é o incentivo que faltava para você finalmente ler aquele Ulysses que comprou há anos e nunca teve a sua atenção. [Amazon]