Os telefones modernos vêm carregados com telas brilhantes, jogos e aplicativos divertidos e conexões para 3G, Wi-fi, Bluetooth e GPS. Não coincidentemente, eles constantemente ficam sem energia. Reunimos alguns dos mais sábios conselhos sobre como economizar o tempo de duração da bateria do seu telefone que está sempre conectado à Internet.

Foto por [177].

Observação: eu dei uma mexidinha em algumas seções, acrescentei algumas entradas a partir de alguns comentadores e removi uma ideia lamentavelmente equivocada sobre fundos de tela escuros desde que este post foi publicado originalmente. Valeu pela ajuda e (de vez em quando) bofetadas sutis.

Dicas universais sobre baterias
Elas são diferentes em muitos aspectos, mas todos os smartphones podem ficar mais frugais com suas limitadas reservas de energia se você estiver disposto a seguir algumas regrinhas básicas.

•    Mantenha-a em lugar fresco e fora do bolso: se você estiver em lugares abertos, não deixe o seu telefone debaixo da luz direta do Sol. Se você puder, de preferência sem parecer um corretor de imóveis superagressivo, deixe-o preso ao cinto, ou por via de regra fora do seu bolso e longe de locais próximos ao seu calor corporal.
•    Desligue o 3G quando não for necessário: ele é mais rápido que EDGE ou GRPS e pode transmitir continuamente tanto voz quanto dados para o seu telefone. Mas também usa um bocado a mais de energia. Quando você tiver uma boa cobertura e um plano que lhe permita falar bastante, ou só recebe algumas atualizações ocasionais por e-mail, você não precisa de uma tubulação wireless tão larga assim. Troque para uso em EDGE/2G nas suas configurações, preferivelmente com um widget ou atalho.
•    Desligue qualquer serviço desnecessário: não é preciso nem dizer para qualquer um que tenha aprendido da maneira mais dura. Ter o seu telefone buscando constantemente por novos dispositivos Bluetooth, hotspots Wi-fi, posições de GPS e e-mails do servidor do Exchange que não chegam às 4 da manhã definitivamente detonarão a sua bateria. Encontre a maneira mais conveniente que o seu telefone oferece para desligar estes recursos, ou pelo menos deixar o uso deles automático, somente quando você os solicita.
•    Seja frugal com as notificações e os aplicativos rodando no fundo: parece que você está vivendo no futuro quando novos e-mails, mensagens do Twitter, atualizações do Facebook, compromissos do calendário e outras minúcias são entregues minuto a minuto ao seu telefone. No entanto, a sua bateria ainda vive no presente e adoraria um descanso da sua hiperatividade informacional. Se você tiver um telefone capaz de manter múltiplos aplicativos “abertos” para acesso mais veloz (Android, Pre, Windows Mobile), não se sinta obrigado a deixá-los presentes.
•    Brinque com o brilho e o desligamento automático da tela: mexa nos valores de quanto tempo a sua tela fica acesso após uma rápida olhadinha na hora, modifique quão brilhante ele precisa ficar durante o dia e certamente você conseguirá extrair um pouco mais de tempo do seu handset.
•    Use versões de sites para aparelhos móveis: encontre e marque nos favoritos as versões para móveis dos sites que você sempre visita (geralmente encontrados em m.nomedosite.com, mobile.nomedosite.com, ou, às vezes, nomedosite.com/m) e tenha sempre à disposição ferramentas como o Google Mobilizer e Bing Mobile; eles automaticamente destrincharão uma página aos seus elementos básicos e pouparão o seu telefone de ter que queimar a sua bateria baixando gigantescos banners de propagandas. O uso da busca por sites para móveis no Google em alguns telefones também apresenta um menu de “Opções” ao lado de cada resultado, o que proporciona um link “móvel” para qualquer página.

Foto por sarchi.

BlackBerry
Se você possui um BlackBerry, muito provavelmente desconectar a sua rede para economizar a bateria não é uma opção. Em vez disto, você pode tentar algumas destas dicas. Foto por liewcf.

•    Dicas oficiais da RIM: para resumir: feche o seu navegador com a tela ESC quando você tiver terminado a navegação, use atalhos em vez de menus baseados em Java, abuse das configurações avançadas e use o Gerenciador de Desktop (agora disponível para PCs e Mac OS X) para carregar mídia em vez de fazer com que seu telefone redimensione e compacte tudo.
•    Radio Saver e AutoStandby: o Radio Saver deslia a recepção celular do seu telefone quando a cobertura estiver fraca ou inexistente, economizando você do dreno de energia que é o sinal em roaming. O AutoStandy, quando está ligado, deixa o seu BlackBerry em um estado de standby ainda mais profundo em vez de apenas colocá-lo em modo Sleep se você quiser extrair um pouco mais do seu telefone em vez de ser avisado constantemente da sua bateria fraca. Eles custam 2,99 dólares cada, o que não é barato para um utilitário, mas talvez valha o troco do almoço se você estiver com um tempo curto de duração da bateria ou se estiver trabalhando no limiar do serviço.
•    BBlight: este pequeno aplicativo simples permite que a luz de fundo da sua tela seja desligada automaticamente após um determinado período de tempo. Eis o link.
•    Os básicos do Boy Genius: direto do blogueiro informativo e apaixonado por BlackBerry por trás do Boy Genius Report, as dicas básicas em como manter vivo o seu telefone:

Desligue o brilho da tela, desligue o LED, desligue o Bluetooth e o Wi-fi (quando não estiverem em uso).

Além disso, mantenha-o dentro da bainha, já que assim ele entra em modo “sleep” (quando dentro dela).

Nenhuma grande novidade aí, mas sábio conselho – especialmente quanto à bainha.

iPhones
O telefone da Apple que mudou a cara dos aparelhos e navega integralmente na Internet já teve sua cota de críticos quanto ao tempo de duração da bateria. Por sorte, alguns se esforçaram para consertar este defeito. Foto por Mat Honan.

•    Dicas oficiais da Apple: para resumir: não o deixe em local muito quente ou muito frio, desligue serviços desnecessários, “bloqueie-o” com frequência e deixe a bateria se esgotar completamente e depois carregue até 100% pelo menos uma vez por mês.
•    Sugestões nossas: para resumir: em vez de Push e-mail, vá atrás dos seus mails para não ter atualizações constantes, desligue a sincronização de contatos e calendário se você não for um presidente de empresa, cancele a varredura por novas redes Wi-fi e evite jogos com modo vibratório e gráficos 3D (exceto nas filas verdadeiramente grandes em aeroportos).
•    Ative redes com o aplicativo jailbreak SBSettings: por default, as chaves liga/desliga do iPhone ficam enfiadas dentro destas configurações e o telefone só pode automatizar o brilho da tela. Com o SBSettings instalado em um telefone que tenha passado por um jailbreak (do repositório BigBoss), você pode ativar e desativar todas as suas conexões de dados a partir de um widgets suspenso e dar pequenos retoques em outros aspectos do seu telefone que consome bateria. Veja e leia mais a respeito do SBSettings em The Apple Blog. Valeu, j_rich!
•    Use o indicador de percentagem da bateria: o indicador de bateria padrão pode deixá-lo em dúvida quanto à verdadeira saúde do seu iPhone e às vezes dá relatos completamente errados sobre o seu estado. Se você tiver um iPhone 3GS ou um iPhone com jailbreak, você pode ativar uma leitura numérica de percentagem na sua tela de bloqueio ao ir em Configurações, Geral e depois Uso para ativar “Percentagem de Bateria”.
•    Use Prowl, GPush ou o bastante leve Push para Gmail: nós já mostramos a vocês como usar o Prowl e Growl para ter Push e-mail do Gmail no seu iPhone e este continua sendo um meio mais eficiente quanto ao uso de bateria de se receber importantes notificações por e-mail, particularmente enquanto o seu computador de trabalho principal está operando. Nós também detalhamos uma solução com GPush que funciona a qualquer hora – quando funciona, ponto. Desde então, o Gmail acrescentou suporte oficial para push e-mail para notificações instantâneas por e-mail, mas isto também torna a busca manual por e-mails mais confiável, assim os usuários podem programá-lo para um intervalo de hora em hora ou manual para economizar o uso da bateria. Valeu, drjonzee e wbullockiii!

Android
A leva atual de telefones Android possui quase que universalmente um péssimo tempo de duração da bateria. Por sorte, a plataforma aberta do sistema deu aos desenvolvedores bastante liberdade para espremer cada gota de energia delas. Foto por sugree.

•    Automatize as regras do seu telefone: quando você estiver dormindo, você ainda quer que as chamadas importantes cheguem, mas não precisa ficar vendo seu e-mail de hora em hora. Quando você está no trabalho, a sua tela não precisa ficar tão brilhante e você já tem acesso à rede. Usando um aplicativo como o Locale, você pode automatizar o ligamento e desligamento dos recursos mais ávidos por energia do seu telefone com base na hora do dia, local, status da bateria e outros fatores.
•    Aprenda a amar o APNdroid: uma opção mais severa, mas o APNdroid é também o mais sincero economizador de bateria que há. Clique no ícone do seu aplicativo e as suas redes EDGE/3G são desligadas, retendo ainda a sua conexão básica de chamadas. É melhor que o Modo Avião, que o deixa totalmente inacessível e, usando-se com frequência, você definitivamente notará a diferença quando você começar a recarregar dia sim, dia não. ainda melhor, parece que um plugin do Locale está sendo elaborado, assim desligar o seu acesso wireless quando ele não for necessário pode vir a ser uma tarefa bem básica.
•    Mantenha o widget de energia à disposição: quando o seu update Android 1.6 (também conhecido por “Donut”) chegar, você terá um novo widget disponível, “Controle de Energia”, que disponibiliza algumas importantes chaves liga/desliga – Wi-fi, Bluetooth, GPS, sincronização automática e brilho da tela – tudo na faixa horizontal. Tenha-o em algum lugar de fácil acesso na sua tela inicial e reduza o seu consumo de energia quando estiver num período mais casual.
•    Veja o que está devorando a sua bateria: também novidade no Android 1.6: um diagrama com percentagem de uso da bateria que você pode acessar dentro de About Phone nas suas Configurações. Ele exibe o que tem extraído energia desde a última vez que você carregou o seu telefone, o que pode ajudar a lembrá-lo de aplicativos que estão rodando no fundo e de outros escoadouros de energia.

Windows Mobile
Mais velho que praticamente todos os seus semelhantes, mas o Windows Mobile cresceu a ponto de incorporar todas mesmas coisas de fundo que detonam a bateria como seus irmãos. Foto por Titanus.

•    Dicas do WMExperts: para resumir: evite o Wi-fi sempre que possível, reduza a sua verificação de e-mail e encontre nas configurações como modificar os tempos de desligamento de tela e a frequência de vibração.
•    WMLongLife: basicamente, este aplicativo independente troca o serviço do seu telefone de 3G para 2G quando está em modo standby, assim o download de dados de fundo e pings não-essenciais consome menos bateria. O desenvolvedor também diz que isto possui um impacto benéfico em, errr…., outras funções.

Palm Pre
Todo mundo que fuça no Palm Pre menciona a sua interface multitarefa em “baralho de cartas” e as redes de dados verdadeiramente velozes oferecidas pela operadora Sprint nos EUA. Sim, isso mesmo, você adivinhou: ambas requerem um tanto de precaução energética.

•    Dicas do Treonauts: para resumir: desligue (ou deixe em Modo Avião) o aparelho quando estiver com sinal muito fraco e siga o mesmo tipo de recomendações de verificação automática e aplicativos de fundo feitas acima neste post.
•    Battery Saver: este aplicativo homebrew só é verdadeiramente útil se houver partes do dia quando outro telefone o fornecer contato de emergência – como em casa, caso você tenha uma linha fixa. No entanto, se este for o caso, deixar o seu telefone em Modo Avião durante períodos predefinidos do seu dia tem a vantagem de um ligamento ou verificação de contatos mais rápidos ao mesmo tempo em que se economiza a vida útil da bateria.

Symbian (preciso de ajuda)
Para ser honesto, a ampla variedade de telefones Symbian com firmwares personalizados nos impedem de oferecer um conjunto padrão de aplicativos ou recomendações para estender o tempo de duração da bateria. Dito isto, se você souber de alguma dica, truque ou aplicativo que economiza a bateria nos telefones Symbian, diga-nos aí embaixo nos comentários. Algumas dicas já dadas por leitores do Lifehacker:

•    Feche a sua câmera, YouTube, SlingPlayer, Google Maps (ele usa GPS, e diga não para o compartilhamento de latitude) e quaisquer aplicativos ainda rodando. Eu acredito que todos os telefones Symbian tenham uma tecla de menu. Se você apertar e segurar este botão ele exibirá quais aplicativos estão abertos (versão do Alt+Tab do Windows) e você pode fechar os programas rodando no fundo. Lembre-se de que o Symbian é capaz de multitarefa e geralmente deixará os seus programas rodando a menos que você os feche usando Opções, Sair.
•    Mude as conexões de dados de “Quando Disponível” para “Quando Necessário”. O telefone não fará uma conexão de dados que tanto consome energia a menos que um aplicativo de fato o exija.
•    Certifique-se de ter atualizado o seu firmware, pois são várias as mudanças que ocorrem. Melhorias no tempo de duração da bateria são um dos focos da Nokia. Ir da versão 1.00 para a 1.10 num antigo E71, por exemplo, rende 3 horas de tempo de bateria se você for um usuário pesado, usando HSDPA push o dia todo. Até fazer este update, esta situação exigiria que todos os dias você precisasse recarregar o seu aparelho.


Esperamos que você tenha encontrado algo de útil nestas dicas para dar ao seu hub móvel de dados um pouco mais de vida entre cada recarga. Deixamos escapar algo grande? Por favor, compartilhe com todos as suas próprias descobertas no intuito de economizar a vida útil das baterias.