por Bruno Izidro

Estreou nesta semana uma nova opção para divulgação e distribuição de jogos indies nacionais, a Souking, uma loja online que pretende ser uma ponte entre desenvolvedores e jogadores. Porém, ainda em fase beta, ela contém poucos títulos e recursos limitados.

Com jogos brasileiros cada vez mais chegando ao Steam, e lojas como a Splitplay já focada nos indies feitos por aqui, a estratégia da Souking é atrair os jogadores com fidelização e gamificação da plataforma. “O nosso objetivo é proporcionar uma plataforma interativa e com um sistema de gamificação que traga uma experiência única ao jogador, não se limitando apenas a aquisição de um jogo através da loja”, explica a CEO da Souking, Marcela Trujillo, ao Gizmodo Brasil.

Um dos recursos de gamificação são cartas personalizadas para os jogos que variam entre ouro, prata e bronze, além de newsletter para deixar os usuários informados sobre novidades da plataforma e novos jogos. O problema é que essas funções ainda não estão implementadas na loja. “As melhorias irão surgir ao longo desse ano ainda e com o apoio de investimento externo”, justifica a CEO.

A Souking também estreou com um catálogo bem tímido de jogos, com destaque para Aritana e a Pena da Harpia e dois jogos grátis: I’m Awesome e Colina 1.5. Outros ainda nem estão disponíveis, mas já estão sendo divulgados, como Blade & Bones. A loja também trabalha com um sistema de acesso antecipado de jogos, como no Steam, onde os jogadores compram projetos ainda em desenvolvimento para incentivar as produções nacionais. Esse é o caso de A Masmorra de Berlock.

Masmorra

Apesar da escassez na estreia, Trujillo afirma que outras 12 empresas já estão em negociação para terem jogos na loja, mas sem citar quais seriam. A empresária também fala que os estúdios interessados em ter seus jogos na Souking, podem entrar em contato com a loja pelo email submit@souking.com.br.

Talvez lançar um site assim com os recursos tão limitados não fosse uma boa escolha no momento. Ainda assim, o surgimento da Souking é mais uma opção para jogos brasileiros atingirem um público maior.